Porto Real já conta com o Espaço Cílios do Paraíba

0

PORTO REAL

A comunidade portorrealense já conta com o Espaço Cílios do Paraíba, que tem como objetivo proporcionar mais qualidade de vida aos frequentadores e preservação do meio ambiente. O projeto, inaugurado recentemente, é fruto de uma parceria entre a Secretaria de Meio Ambiente do município e do Comitê da Bacia Hidrográfica do Médio Paraíba do Sul (CBH-MPS). Além de recuperar o meio ambiente, a proposta cria um espaço com uso de materiais sustentáveis com boas práticas ambientais promovendo melhoria da qualidade de vida dos frequentadores.

O novo espaço foi implantado próximo à região da Mina Dom Pedro II, uma área verde de lazer com mais de 650m². Foram plantadas, na nova área, 500 mudas de árvores nativas. O projeto realizado com recursos do Comitê da Bacia Hidrográfica, conta com o apoio da Prefeitura, através da cessão do terreno, movimentação de terra, licenciamento, fornecimento de energia e manutenção do espaço. A área que recebeu reflorestamento em uma área equivalente a cinco mil m² terá ainda a implantação de um programa de educação ambiental e garante o reflorestamento do entorno, a implantação de jogos interativos e placar informativo das situações climáticas e do Rio Paraíba do Sul.

Para a secretária executiva do Comitê da Bacia do Médio Paraíba, Vera Lúcia Teixeira, o projeto não pertence somente à Associação Pró-Gestão das Águas da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul (AGEVAP), mas representa uma “praça interativa” para toda a comunidade. “Se repararmos bem, o solo do novo espaço, feito de pneu reciclado e drenante, forma um jogo de tabuleiro, que com as plaquinhas que serão instaladas, torna-se interativo e educativo para quem frequentar. Assim como o placar, que apresentará informações referentes às condições, em tempo real, do Rio Paraíba e do clima da região”, antecipa Vera Lúcia.

O prefeito Ailton Marques (PDT) enfatizou a grande honra para o município, de poder contribuir para a preservação do meio ambiente.

O secretário de Meio Ambiente, Reinaldo José Raimundo, disse que entre as mudas plantadas durante o processo estão: araçá, goiaba, pau-brasil, saboneteira, entre outras espécies. “Vale lembrar que qualquer ato de vandalismo na área, deve ser comunicado à Guarda Municipal ou à Polícia Militar”, ressaltou.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !