Taça Rio: Resende recebe o Madureira em busca da classificação

0

RESENDE

Uma Taça Rio à imagem e semelhança da Taça Guanabara. Se o início de tropeços e incertezas tem sido igual, um mesmo desfecho traria novas alegrias para o Resende no Campeonato Carioca. No primeiro turno, estreia com derrota seguida de dois empates, sendo um contra um clube grande. Apenas dois pontos em nove disputados, mas, no fim, a arrancada e a classificação para as semifinais. E o segundo turno começou exatamente da mesma forma.

Após perder para o Volta Redonda e empatar com Fluminense e Americano, o Gigante do Vale joga todas as suas fichas numa reabilitação contra o Madureira, neste sábado, 16, às 16h30min, no Estádio do Trabalhador. Uma vitória não só manteria as chances de classificação para as semifinais da Taça Rio como deixaria o time aceso na busca por uma vaga para a Série D do Campeonato Brasileiro deste ano.

A briga direta do Resende é com Bangu e Cabofriense. O Volta Redonda, que está em quarto lugar na classificação geral, não entra nessa disputa porque já participa da Série C do Brasileiro. No momento, o Bangu está em quinto, com 13 pontos, enquanto a Cabofriense está em sexto, com os mesmos 10 pontos do Resende, em sétimo por ter uma vitória a menos. Portanto, a equipe do técnico Edson Souza segue com suas pretensões e objetivos no Estadual. “Em relação à classificação na Taça Rio, é claro que ainda dá. Nós nos encontrávamos na mesma situação na Taça Guanabara e demos aquele impulso, aquele salto. Enquanto tivermos chances, usamos isso a nosso favor. Como comandante, eu tenho sempre que alimentar e incentivar os jogadores a buscarem sempre mais. E ainda lutamos por uma vaga na Série D. Temos que chegar na frente da Cabofriense e, se possível, do Bangu. Então, temos objetivos grandes pela frente ainda”, disse o treinador.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !