Notas & Notas

0

NOVO HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

Foto: Divulgação


Durante todo o período do verão, o chafariz instalado no Parque das Águas, no bairro Jardim Jalisco, em Resende, tem novo horário de funcionamento. A medida é mais uma opção para a população se refrescar com diversão e lazer. A partir de agora o chafariz pode ser usado em horário diferenciado, todos os dias da semana, das 10 às 20 horas, com intervalos de até uma hora. De acordo com o prefeito Diogo Balieiro Diniz, um sistema automatizado com programa para jatos ornamentais e iluminação mantém o rodízio de acionamento do chafariz.

INTERVALOS NECESSÁRIOS 

Segundo os técnicos que realizam manutenção no local, os intervalos são necessários para preservar o mecanismo adotado, que precisa de um resfriamento para funcionar em plenas condições. “A medida foi tomada para que os pequenos, que estão em período de férias, tenham uma oportunidade de se divertir fora de suas residências, em um local seguro, confortável e agradável para toda família,  já que o parque também oferece brinquedos, academia da Melhor Idade, pista de caminhada e corrida, quiosques e muito mais opções de lazer”, conta o prefeito.

REVITALIZAÇÃO

Vale lembrar que recentemente a Prefeitura de Resende realizou uma revitalização parcial no Parque das Águas, onde bancos e estruturas foram pintados, novos parquinhos foram instalados, o lago passou por manutenção, além dos banheiros, que foram reformados, e o próprio chafariz, que passou por reparos para que passasse a funcionar perfeitamente no período de férias, que é a época em que as crianças mais utilizam o parque.

ÁRVORES OFERECIAM RISCOS

Um relatório técnico elaborado pela Prefeitura de Quatis, por meio da secretaria de Meio Ambiente do município, informa sobre a situação do estado das duas árvores da Praça dos Expedicionários, localizada no Centro da cidade, que foram cortadas, pela própria prefeitura.  O documento respalda legalmente o corte das duas árvores e o serviço de poda em outra, ocorridos neste mês de janeiro, após uma avaliação prévia assinada pela bióloga Ana Carolina Silva Vilhena. “O risco de queda é real e por se tratar de uma área de lazer amplamente utilizada, com várias residências no entorno e com vagas de estacionamento, a queda de um desses indivíduos arbóreos (árvores) pode gerar à comunidade perdas materiais e até de vidas”.

CUPIM 

Segundo Ana Carolina o estado das duas árvores retiradas da Praça dos Expedicionários  estava bastante comprometido, pela proliferação de cupim no solo “bastante agressiva”. “O cupim se alimenta da madeira viva, de baixo para cima, o que aumentava ainda mais os riscos de acidentes no logradouro provenientes da queda de galhos e das árvores nas quais o problema tinha sido identificado. As árvores retiradas ficavam no torno da praça. Já as que se localizam no interior da praça, o relatório técnico frisou o cumprimento da função ornamental delas e o seu bom estado”, informa a bióloga acrescentando que para  evitar a continuidade da proliferação de cupim no local onde as duas árvores foram cortadas, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente realizará o tratamento indicado no solo e buscará a utilização de produtos autorizados pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e o Ministério do Meio Ambiente. O serviço de manutenção do sistema de arborização urbana em Quatis é realizado com o apoio da Secretaria Municipal de Obras, Urbanismo e Serviços Públicos.

LEGISLAÇÃO 

A secretária do Meio Ambiente do município, bióloga Edna Azevedo, reafirmou que, dependendo dos riscos oferecidos à integridade física das pessoas e ao patrimônio ambiental, a poda, o sacrifício arbóreo, a remoção e até a derrubada de árvores são assegurados pela legislação ambiental da cidade. Entre as leis aplicadas pela prefeitura para a manutenção da arborização urbana da cidade, estão o código de postura do município; o Plano Diretor Participativo, Estratégico e Sustentável de Quatis, além do código ambiental da cidade. Ela enfatizou ainda que, segundo as leis relacionadas ao assunto, “qualquer procedimento deve ser precedido por avaliações técnicas realizadas pelos profissionais especialistas”.

AVALIAÇÃO

A Prefeitura de Quatis também informou que periodicamente é realizada a avaliação sobre o estado das árvores do sistema de arborização urbana da cidade visando garantir a sua preservação e a segurança da própria população. A legislação do município estabelece que, a cada árvore retirada, pelo menos duas mudas deverão ser plantadas. A quantidade de mudas para o novo plantio é estipulada pelo técnico encarregado da vistoria, que leva em conta neste caso o valor ecológico da espécie retirada. A exigência de vistoria prévia e autorização da Secretaria Municipal de Meio Ambiente para o corte e a poda de árvores vale também para as árvores localizadas em áreas particulares.

PARQUE MARIANA TERÁ QUADRA POLIESPORTIVA

A comunidade do Parque Mariana, em Porto Real, vai ganhar uma quadra poliesportiva na Rua Saturnino Braga. Resultado de uma emenda parlamentar do deputado federal Alexandre Serfiotis com contrapartida do Governo Municipal, a quadra terá uma área construída de cerca de 876 m2, que contará com estrutura metálica; alambrado; iluminação; telhas de aço trapezoidal; pintura eletrostática, dotada de sistema de proteção contra descarga atmosférica (raios); com demarcação para futsal; voleibol e basquetebol.

MELHORIAS 

O prefeito Ailton Marques disse que o objetivo é ampliar gradativamente as melhorias para o bairro. “É fundamental garantir ao cidadão o acesso ao esporte e ao lazer, favorecendo a socialização e ocupando o tempo ocioso. Estamos empenhados em ampliar gradativamente os benefícios aos moradores do bairro e também a toda a população do município, dando mais qualidade de vida e assegurando o direito aos serviços básicos e à cidadania”, relatou Ailton.

LOCAL 

“O espaço contará ainda com a construção de uma área arborizada que terá piso antiderrapante e um playground composto por gangorra, escorregador e balanço. O prazo para a conclusão da obra é de 12 meses”, ressaltou o secretário de Obras e Serviços Públicos, Luiz Tavares.

MISS RIO PLUS SIZE

A modelo Nina Sousa, eleita Miss Rio de Janeiro Plus Size, que é de Volta Redonda e mora em Pinheiral, está em busca de apoio para conseguir representar o Estado do Rio de janeiro na competição de beleza nacional.

Ela começou uma campanha nas redes sociais para arrecadar fundos para poder participar da competição, representando a região e o Estado. Interessados em ajudar a candidata podem obter informações de como contribuir com sua assessoria pelo telefone (24) 3026 1654 ou no celular: (24) 98150 2276. É só falar que quer ajudar.

EXPOSIÇÃO ‘PERDA E REENCONTRO’

A Secretaria Municipal de Cultura de Volta Redonda (SMC-VR) promove entre os dias 5 e 26 deste mês, no Espaço das Artes Zélia Arbex, no bairro Vila Santa Cecília, em Volta Redonda, a exposição da artista plástica Gizéle Barino. O título da mostra é ‘Perda e o Reencontro’ e a abertura acontece dia 5, às 19 horas. Ela abre os trabalhos deste ano entre os artistas selecionados por edital público para ocupar este espaço cultural.

FUNCIONAMENTO  

O funcionamento do Espaço Zélia Arbex para visitação do público é de segunda à sexta-feira, das 10 horas às 18 horas. Gizéle destacou que a mostra  ‘Perda e Reencontro’ consiste em um projeto desenvolvido a partir da exploração das formas naturais de pura linhas e cores, oportunizando a apreciação e interação com as belezas do meio ambiente, vistas do ângulo de abstração.

OFICINA DE SHIATSUTERAPIA

O Centro de Referência de Assistência Social (Cras), de Penedo, ligado a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos está com inscrições abertas para a oficina de Shiatsuterapia. Podem se inscrever moradores de Penedo com idade a partir de 60 anos. Os interessados devem procurar a unidade do Cras Penedo de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, munidos com os seguintes documentos: RG, CPF e Comprovante de Residência. A atividade terá início no dia 7 de fevereiro  e acontecerá às quintas-feiras, das 9 às 16 horas.

PROVAS DO CONFIAR

A Prefeitura de Resende, através da Fundação Confiar, irá realizar, de 4 a 8 de fevereiro, as provas de avaliação para definir os alunos das oficinas promovidas instituição. A seleção acontecerá durante a próxima semana, sempre em dois períodos, sendo a abertura dos portões às 8 horas para os candidatos da manhã, e 13 horas para a etapa da tarde. De acordo com a direção da Fundação, mais de mil provas foram preparadas para avaliar os adolescentes, que ainda passarão, no mesmo dia da avaliação, por uma entrevista, que faz parte do processo seletivo.  O presidente do Confiar, Jonatas Bianquini, lembra que cada aluno deverá apresentar, no momento da abertura dos portões, um documento oficial com foto, além de levarem consigo  caneta esferográfica, lápis, borracha e o número de inscrição. Ainda segundo o presidente, todos os candidatos deverão seguir as informações contidas no canhoto de inscrição, que dizem respeito ao horário e a data de sua prova.

Um Fato na Foto

 Falta cuidado

De nada adianta novas realizações, obras, manutenção de espaços públicos se alguns populares insistem em não usar a educação que receberam dos familiares e escolas. Na imagem, podemos perceber um trecho da nova Beira Rio, em Barra Mansa, todo coberto por pichações. Cabe a todos nós cuidar da cidade. A imagem é da repórter do jornal A VOZ DA CIDADE, Luana Januário.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !