Polícia Civil investiga tentativas de homicídio e versão apresentada pelas vítimas de encontro marcado pela internet

0

VOLTA REDONDA
Dois jovens, de 17 e 23 anos, sofreram na noite de quarta-feira, dia 5, uma tentativa de homicídio no bairro Três Poços.  Eles disseram que o fato ocorreu após eles marcarem um encontro na internet. Somente um deles foi atingido por disparos de arma de fogo. A Polícia Civil investiga a versão apresentada pelos dois ou se o ataque tem ligação com o tráfico de drogas.

A equipe do 28° Batalhão de Polícia Militar (BPM) foi acionada após o crime, por volta das 23h10min. Os militares apuraram que os rapazes, após o atentado, conseguiram escapar e solicitaram socorro a uma guarnição do Posto de Policiamento Comunitário (PPC), que estava em deslocamento após deixar o serviço.

Eles contaram que foram até o local após marcarem um encontro com uma suposta garota de programa, por meio de uma rede social. Mas que no caminho, o veículo deles, um Gol, quando passava por uma universidade, foi abordado por dois homens. Em seguida, eles dispararam diversas vezes no carro, atingindo um deles, além da porta, caixa de ar, porta-malas e os paralamas. No total, no automóvel, foram encontradas quatro perfurações de arma de fogo.

Um dos rapazes, o de 17 anos, ficou ferido. Ele foi encaminhado para o Hospital São João Batista (HSJB), onde segue internado. Segundo a unidade médica, ele foi vitima de disparo na região dorsal, com lesão na vértebra torácica à direita e está em acompanhamento com serviço social. O HSJB esclareceu ainda que o paciente está lúcido e cooperativo, e na companhia de um familiar no pronto socorro. “Foi solicitado parecer para neurocirurgia e cirurgia torácica”, informou em nota o hospital.

O caso foi registrado na 93ª Delegacia de Polícia (DP) e até a publicação desta reportagem, ninguém havia sido preso.

Procurado pelo A VOZ DA CIDADE, o delegado titular, Luiz Jorge, explicou que as investigações seguem em sigilo e que a Polícia Civil apura a versão dada pelos rapazes. “Estamos evoluindo com a investigação. Inclusive, se envolve guerra entre traficantes”, finalizou.