Caged destaca saldo positivo de empregos em Resende

0

RESENDE

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do governo federal, divulgou o balanço do mercado de trabalho com dados sobre fevereiro. De acordo com o relatório, Resende fechou o segundo mês do ano com 147 novas vagas abertas.

O prefeito Diogo Balieiro comentou os dados, enaltecendo as ações do governo para a geração de emprego e renda. “Sabemos que todas as cidades ficam muito atreladas ao que se passa no cenário econômico nacional e estadual. Mesmo assim,  Resende tem conseguido bons resultados desde que assumimos. Tudo que está ao alcance do nosso governo para ajudar na geração de emprego e renda será e está sendo feito. Vamos trabalhar muito para melhorar ainda mais esses números. Estamos satisfeitos com janeiro e fevereiro, mas pensando nos meses seguintes”, disse.

O prefeito Diogo Balieiro comentou sobre os dados do Caged – Foto: Divulgação

O município acumula um saldo positivo de 289 empregos em 2019, pois em janeiro ficou com 142 empregos gerados. Os números de cada mês são obtidos a partir da comparação entre admissões e demissões realizadas em cada município do país.

PERSPECTIVAS

Resende teve em 2017 o melhor desempenho em todo o estado do Rio em geração de empregos e manteve a tendência de alta em 2018, fechando novamente no azul. Para 2019,  a perspectiva de manter a boa margem vai além dos dados iniciais do Caged. Em fevereiro, o presidente e CEO da Volkswagen Caminhões e Ônibus, Roberto Cortes, confirmou um investimento bilionário para aumentar a capacidade produtiva na fábrica situada no Polo Industrial do município, que chegará a 100 mil unidades ao ano trabalhando em três turnos. Hoje são dois turnos, sendo que um destes ainda é parcial.

A Havan Lojas de Departamentos pode contar com nova filial em Resende – Foto: Divulgação

Além disso, em negociações encabeçadas pelo prefeito Diogo Balieiro e o secretário de Indústria, Comércio e Turismo, Tiago Diniz, uma loja da rede Havan foi confirmada para chegar a Resende com aproximadamente 200 empregos diretos. Com isso, o setor da indústria e do comércio, áreas consideradas como as mais sensíveis da economia resendense, abrem boas perspectivas para o restante do ano.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !