‘Arraiá de vendas’: festa junina fomenta casas de festas e doçarias

0

RESENDE

Após a semana de vendas do Dia dos Namorados o comércio volta o foco para os festejos juninos. A tradicional festa que tem como temática a fartura e alegria da zona rural favorece o comércio de itens do segmento de alimentação, vestuário/adereços e decoração. As festas em homenagem a São João e São Pedro são repletas de comidas típicas da roça como canjica, paçoca, milho verde, arroz doce e caldos como canjiquinha e caldo verde, além de muitas cores e música. No ritmo da dança de quadrilha há opção de vestidos e roupas de caipira para o público de todas as idades e gêneros. Em média, os itens partem de R$ 5 e podem custar R$ 49,90.

Em Resende, as lojas especializadas projetam crescimento nas vendas em até 20%. “Os produtos mais procurados entre os doces são os pés de moleque, doce de abóbora e de amendoim. Temos 20% a mais de mercadorias para as festas juninas deste ano e esta é nossa margem de projeção de crescimento”, comenta a Luciene Machado dos Santos, gerente de uma casa de doces e festas, no bairro Campos Elíseos, citando que os doces mais vendidos tem embalagem com 50 unidades a partir de R$ 10.

Os doces e os chapéus de palha são artigos típicos dos festejos no mês de junho

Na próxima segunda-feira, dia 24, será o Dia de São João, o que deve ampliar as vendas no decorrer desta semana. Tem estabelecimento que abrirá no domingo, dia 23, apostando nas vendas de última hora. “Vamos abrir no domingo, entre 10 e 13 horas. A procura antecipada pelos itens de festas juninas está me surpreendendo. Reforçamos o estoque e projeto o crescimento de 10% a 15%. Os itens mais procurados são os doces, mas exploramos itens complementares também como produtos para servir as comidas e artigos para a decoração do ambiente. As cumbucas de isopor, que servem tanto para caldos como colocar doces, tem muita saída, assim como todo material descartável”, explica o empresário Ewerson Freitas, proprietário de uma casa de festas, situada no bairro Cidade Alegria.

Tem loja explorando até os letreiros em balões metalizados coloridos para garantir o sucesso da festa junina. “Minha expectativa é de crescimento em 10% nas vendas perante o ano de 2018. Trouxemos muitas novidades para festa junina, a procura é grande tanto para os letreiros metalizados coloridos. Outra novidade é o pacote com retalhos em adesivos. Basta colar na roupa e simular uma peça costurada em retalhos. Serve para crianças e adultos e custa R$ 7,89”, conta o empresário Rodrigo Carvalho, proprietário de uma casa de festas situada no Manejo. Em relação aos doces, o pote com 50 unidades de pé de moleque custa R$ 12,89, já o pote com 50 unidades do doce de abóbora sai a R$ 27,95. “A procura por doces cresce tanto neste período e segue até meados de agosto. Acaba por emendar com as vendas que antecedem o Dia de São Cosme e Damião. Por isso, contrataremos dois funcionários temporários até o fim de setembro”, justifica Rodrigo.

 

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !