Vereador de Resende pede monitoramento para o trecho da Bacia do Rio Preto

0

Aprovada pela Câmara de Vereadores de Resende, a indicação nº 342/2019, de autoria do vereador Romério (MDB). No documento, o parlamentar solicita monitoramento pelo Poder Público para o trecho da Bacia do Rio Preto localizado no município.

Segundo destacou o parlamentar, a Prefeitura de Resende deverá realizar a fiscalização e controle periódico do manancial. Lembrou o parlamentar que, o principal objetivo é verificar a existência de possíveis poluentes e atestar a qualidade da água, designando o órgão competente do Município para exercer a função.

ARGUMENTANDO

O vereador argumenta ainda que a bacia hidrográfica é considerada uma célula básica de abordagem ambiental, sendo fundamental para implantação de políticas públicas de planejamento ambiental. Disse também que a qualidade da água de um rio em qualquer ponto pode revelar várias interferências. “Uma das principais preocupações é com o crescimento acelerado da região e o consequente aumento da poluição. Esperamos que o monitoramento ajude a reduzir os meios de contaminação do Rio Preto”, destacou o vereador.

O Rio Preto é um afluente indireto do Rio Paraíba do Sul, que nasce no Pico das Agulhas Negras e desemboca no Rio Paraibuna. Tem 200 quilômetros de extensão e faz a divisa natural entre os estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais. De acordo com o Núcleo de Referência em Educação Ambiental da Universidade Estadual do Rio de janeiro (UERJ), a Bacia do Rio Preto foi bastante degradada pelo uso rural, especialmente em função da prática de queimadas e desmatamentos.

 

 

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !