PRF flagra casal na Dutra em veículo clonado com registro de furto

0

BARRA MANSA

Agentes da 7ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal (DEL- PRF) flagraram na noite de domingo, 12, na Via Dutra, em Barra Mansa, um casal com veículo clonado com registro de furto. O flagrante ocorreu durante ronda do Policiamento Ostensivo Dinâmico, por volta das 21 horas, na altura do km 285. Os policiais disseram que tiveram a atenção voltada para um Gol, cor prata, ano 2019, ostentando placas do município de Itaguaí.

Após abordar o veículo, os agentes verificaram que os ocupantes eram o condutor, de 23 anos, e a passageira, de 20. Ainda de acordo com os agentes, durante a parada foi sentido um forte cheiro de maconha. Foi quando os agentes decidiram realizar revista no interior do veículo, mas nada foi encontrado e o condutor teria assumido ser usuário da droga e que já havia consumido toda a maconha.

Indagado sobre de quem era o veículo, o condutor teria respondido que era de um primo e que ele havia pedido emprestado para passear em Maromba para comemorar o aniversário da companheira, a passageira, que estaria completando 20 anos.  Ele teria informado ainda que estaria retornando para a residência, em Volta Redonda.

INDÍCIOS DE FALSIFICAÇÃO

Ao verificarem o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV), os policiais observaram indícios de falsificação. E durante inspeção no carro, os policiais perceberam indícios de adulteração na numeração do chassi. Perguntado novamente sobre a propriedade do veículo, o condutor mudou a versão, informando que havia alugado por  R$200 de um desconhecido para passear com a companheira. Ao verificarem a numeração do motor do carro, os policiais constataram ser diferente da que constava no sistema do mesmo. Após consultarem a  numeração do motor, os agentes confirmaram se tratar de um clone, sendo o original da mesma marca e modelo de placas do município do Rio de Janeiro ainda com registro de furto no Recreio dos Bandeirantes em 18 de fevereiro deste ano. O casal foi detido por receptação e por uso de documento falso.

Ainda durante as consultas, foi verificado que havia registro de furto para as placas Mercosul utilizadas para montar o clone, sendo o registro lavrado no dia 19 de fevereiro, também no Rio de Janeiro. Os agentes receberam também a informação de que o Gol apreendido com as placas ostentadas, clone, havia sido utilizado em um roubo à residência ocorrido em Três Rios no último dia 10. Fato este comunicado à 90ª Delegacia de Polícia (DP), onde o caso foi registrado e o casal apresentado, juntamente com o veículo.

 

 

 

error: Conteúdo protegido !