Meditação é um auxilio ao combate a ansiedade e stress durante a pandemia

0

VOLTA REDONDA

Em tempos de pandemia, isolamento social e incertezas sobre o futuro, é comum às pessoas estarem estressadas e mais ansiosas. Não é incomum ouvir frases como ‘vai meditar’, ‘meditação ajuda’. Mas o que é meditação e quais os seus benefícios?

A meditação pode ser definida como uma prática na qual o indivíduo utiliza técnicas para focar sua mente num objeto, pensamento ou atividade em particular, visando alcançar um estado de clareza mental e emocional. Sua origem é muito antiga, remontando as tradições orientais, especialmente a ioga, mas o termo também se refere a práticas adotadas por alguns caminhos espirituais ou religiões, como o budismo e cristianismo, entre outras. Textos orientais consideram a meditação como instrumento que leva em direção à libertação. Assim, a meditação trabalha a mente e o corpo. É uma ginástica que não requer muito tempo: bastam alguns minutos e um pouco de persistência e regularidade para ver, cada vez mais, mudanças em sua vida. A meditação não é obrigatoriamente do budismo, os praticantes continuam com sua religião de preferência, o ato, é um complemento para a espiritualidade e o bem estar.

De acordo com Elaine Xavier, tutora da mandala de direção do Centro de Estudos Budistas Bodisatva (CEBB), a meditação tem como foco dirigir a mente para a positividade.  “É uma ferramenta para começar a treinar a mente dirigir o foco para a diminuição do stress e da ansiedade. Treinando os pensamentos negativos que surgem e levando o foco para a respiração. Dessa forma descobrimos uma liberdade de pensamento que temos e que não usufruímos”, cita.

Segundo Elaine, alguns dos benefícios da meditação são: a redução dos níveis de estresse; aumento da capacidade de concentração; aumento da capacidade de memorização; desenvolvimento do raciocínio lógico-matemático; desenvolvimento da criatividade; redução significativa da violência; equilíbrio do campo emocional; redução da dor crônica; redução da ansiedade generalizada e aumento da imunidade. “A meditação é muito usada por psicólogos e médicos, uma das técnicas mais difundidas é a mindfulness que é um estado mental que surge quando prestamos atenção, de maneira intencional, no momento presente, sem julgamento. Ela nos dá a oportunidade de escolher como responder a cada situação. Passar do modo existir ao modo viver”, cita.

Sobre o Centro de Estudos Budistas Bodisatva (CEBB), Elaine destaca que o local sobrevive através de doações e que as atividades vêm acontecendo de forma online. “Seguimos o direcionamento do Lama Padma Samten, que mora do Rio Grande do Sul e dirige centros budistas em todo o Brasil., além disso, nosso centro é de budismo tibetano, seguimos os preceitos de Dalai Lama, o mais conhecido mundialmente. Estamos fazendo encontros especiais de forma online por conta da pandemia e tem sido muito bom”, destaca.

O CEBB pode ser conhecido através de sua página https://www.facebook.com/CEBB-Volta-Redonda-1642019849384711/

 

 

error: Conteúdo protegido !