Maio Amarelo: caminhada marca início de campanha por trânsito mais seguro em Barra Mansa

1

BARRA MANSA

Uma caminhada pelas ruas do Centro marcou nesta segunda-feira, dia 14, o início da campanha Maio Amarelo que busca conscientizar as pessoas para um trânsito mais seguro. Organizada pela Guarda Municipal, através do Programa de Educação no Trânsito (PET) em parceria com o Sest/Senat, a caminhada reuniu cerca de 50 alunos da Escola Municipal Geraldo Ozório Rodrigues, localizada na Vila Coringa. O evento contou com a participação da Banda Marcial do Projeto Música nas Escolas, que teve como principal objetivo chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito. Durante e após a caminhada foram distribuídos informativos que destacavam algumas medidas que devem ser tomadas para evitar acidentes ao volante.

O coordenador do PET, o inspetor da Guarda Municipal, Agostinho José da Silva Neto, explicou que a maior incidência de trânsito em Barra Mansa tem ligação com o uso do celular ao volante. “O uso do celular ao volante reduz em 25% o nível de atenção do condutor e isso acaba causando acidentes. Por isso é importante o motorista estar atento ao trânsito. Hoje estamos realizando essa caminhada para chamar a atenção da população exatamente para esses cuidados. E as crianças acabam atuando como agentes multiplicadores”, afirmou o inspetor Silva, lembrando que o condutor deve sempre prezar pela direção defensiva e realizar a manutenção do veículo constantemente.

A subcoordenadora do PET, Alcilene Novais, lembrou que o objetivo do Maio Amarelo é reduzir os números de acidente no trânsito e que desde a implantação do PET, houve uma diminuição de 10% em Barra Mansa. “Nós realizamos ações nas escolas, campanhas mensais abordando diversos temas, tudo com base no cronograma do Denatran. Também promovemos palestras em empresas, então tudo isso contribui para essa redução”, destacou.

A diretora da Escola Municipal Comendador Geraldo Ozório Rodrigues, Natane Viana “As crianças se tornam multiplicadores do trabalho. Uma vez que aprendem na escola eles acabam levando para casa os ensinamentos da Guarda Municipal e passam para os pais, parentes e acaba sendo muito importante para eles”, finalizou Natane.

1 comentário