Família procura por idoso desaparecido há quase uma semana

0

VOLTA REDONDA

A família João Nelci de Oliveira, de 72 anos, está em busca de informações sobre seu paradeiro desde o último domingo, dia 28. O filho de João, Renato Gomes de Oliveira, de 34 anos, contou ao A VOZ DA CIDADE que o pai saiu com o carro e em seguida o abandonou na ponte Presidente Médici, que liga o Aterrado ao Aero Clube e desde então há relatos que ele foi visto em Arrozal.

O filho explicou ainda que, na madrugada de domingo, seu pai estava passando mal com pressão alta e dor no peito. “Por isso fomos a um hospital do Retiro, que é próximo a nossa casa. Lá ele fez uns exames e fomos para o carro esperar os resultados saírem”, disse, relatando que os dois foram em casa pegar um cobertor e estacionaram em frente a unidade. “Eu fui lá dentro por uns três minutos para avisar que estávamos esperando do lado de fora e quando voltei o carro não estava mais lá”, detalhou.

Renato Gomes ratificou que chegou a pensar que fosse um assalto, mas um motoboy teria encontrado o carro abandonado com as portas abertas perto da ponte. “Tinha uma receita médica dentro do veículo e ele conseguiu contato com a gente através dela”, disse.

Ainda segundo o filho, o pai estava andando desanimado por causa do isolamento social e por isso chegou a pensar que ele teria pulado no Rio Paraíba do Sul. “Ele sempre foi muito agitado e tinha colocado gesso na perna, ficou ainda mais preso em casa e estava triste. Mas o Corpo de Bombeiros não encontrou nada e disse que se houvesse um corpo, já era para ter aparecido”, destacou, acrescentando que recebeu ligações informando que seu pai tinha sido visto em Arrozal. “Mas já fomos procurar lá e não o encontramos”, finalizou.

A família pede a quem tiver informações do paradeiro de João Nelci de Oliveira para entrar em contato com um dos seguintes números: (24) 99877-5885, (24) 99967-7787; (24) 99704-1878; ou (24) 99936-8244.

João Nelci de Oliveira, de 72 anos, é morador do Retiro – Divulgação

error: Conteúdo protegido !