Escola de Piraí realizará projeto social Copa do Mundo 2018

0

André Matheus

[email protected]

A maior competição de futebol está chegando, a Copa do Mundo da Rússia, e terá início no dia 13 de junho. Diante de mais esse grande evento, a Escola Municipal Luiz Marinho Vidal, do bairro Jaqueira, está desde o ano passado se programando para iniciar o Projeto Social Copa do Mundo 2018: em busca do hexa! Projeto esse que é coordenado pelos professores de Educação Física, Fernando Marlos e Glauber Guardengui e, assim como os demais desenvolvidos pela escola, será aplicado de forma interdisciplinar e abrangerá os alunos da Educação Infantil ao 9º Ano, passando por várias disciplinas do conhecimento.

De acordo como professor Fernando Marlos, o projeto terá início no dia 7 de março e seu encerramento será no dia 6 de junho. “Assim como todas as atividades dos projetos desenvolvidos na escola, esse projeto será em cima de ensinamentos sobre as Copas do Mundo desde a sua primeira edição, em 1930. Entre os ensinamentos serão tratados os temas sobre as histórias das copas, a participação do negro no futebol, os grandes craques, a Rússia como país sede e os principais pratos típicos de alguns países participantes, no qual os alunos irão experimentar diversos pratos típicos da gastronomia mundial”, explicou Marlos, completando que durante o projeto, os alunos ainda farão redações para melhorar a escrita e leituras de textos específicos sobre a copa do mundo para aprimorar a leitura.

Ele comentou ainda, que a escola receberá vários ídolos do futebol para conversar com os atletas sobre futebol e Copa do Mundo. “Entre os convidados que participação do projeto estão Glauber, ex-Volta Redonda e Botafogo (RJ); o professor Thiago Aprígio, que atualmente é técnico da equipe Sub 16 do Botafogo (RJ); e também e Paulo Henrique, ex-Flamengo (RJ), que é técnico de futebol e foi membro da Seleção Brasileira de 1966 na Copa do Mundo da Inglaterra”, contou Fernando Marlos.

O professor contou ainda que dentro do projeto Social Copa do Mundo 2018: em busca do hexa!, haverá a participação da equipe do Volta Redonda Futebol Clube com uma visita à escola. “A presença deles foi firmada pela diretora da escola, Cláudia Santos com o presidente do Volta Redonda FC, Flávio Horta”, comentou Marlos, acrescentando que será ainda realizada uma visita técnica para conhecer o Museu do Futebol na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no Rio de Janeiro. “Esse convite partiu da direção da CBF, e os alunos estão bastante empolgados, tanto para a realização do projeto, quanto para a visita ao Museu”, contou Fernando Marlos revelando que os alunos também assistirão a um jogo de futebol num estádio acompanhado dos professores e disciplinares da escola.

Falando sobre a parceria com o Volta Redonda, a diretora da Escola Municipal Luiz Marinho Vidal, Cláudia Santos disse que será feita uma grande festa para recepcionar os atletas. “Ficamos felizes em firmar esta parceria com o Voltaço. A escola irá preparar uma super festa para receber os atletas que jamais esquecerão de nossos alunos”, afirmou a diretora, acrescentando que o projeto envolve não apenas os alunos, mas toda a comunidade. “Quando fazemos uma atividade não fazemos apenas para a escola. A comunidade inteira participa e nos dá satisfação recebê-los”, ressaltou Cláudia Santos.

OUTROS ATLETAS

Sem revelar nomes, Fernando Marlos e Glauber Guardengui contaram que a direção da escola está conversando outros atletas do futebol para que eles também possam participar do projeto. “Os nomes, por enquanto, estão sendo mantidos em sigilo. A única coisa que podemos adianta é que, temos certeza que os alunos também ficarão bastante satisfeitos com a presença desses atletas participando do projeto da escola”, disse Guardengui.