Campanha Nacional de Multivacinação de crianças e adolescentes começa nesta sexta

0

SUL FLUMINENSE/BRASÍLIA

Foi anunciado nessa quinta-feira, dia 30, pelo Ministério da Saúde o início da Campanha Nacional de Multivacinação, que disponibilizará 18 tipos de vacinas que protegem crianças e adolescentes de doenças como poliomielite, sarampo, catapora e caxumba. A ação acontece em todos os 45 mil postos de vacinação, localizados em todos os 27 estados e seus respectivos municípios.

A cerimônia de lançamento da campanha ocorre nessa sexta-feira, dia 1º e a ação segue até o próximo dia 29. As autoridades afirmam que o papel dos pais e responsáveis é de suma importância para atingir o publico alvo de crianças e adolescentes de até 15 anos. A preocupação é com a queda nos índices de vacinação que vem ocorrendo desde 2015 e, ainda segundo as autoridades, parte disso é por causa da disseminação de notícias falsas e pela atuação de grupos antivacinas.

O secretário de Vigilância em Saúde do MS, Arnaldo Medeiros, disse que essa queda tem, entre suas causas, o desconhecimento sobre a importância da vacina, as fake news, os grupos antivacinas e o medo de eventos adversos. Ele apontou ainda como causa os horários de funcionamento das unidades de saúde que, às vezes, são incompatíveis com as novas rotinas da população.

O presidente do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), Wilames Freire, também se manifestou. Ele afirmou que as campanhas publicitárias são urgentes, porque ajuda a combater a desinformação.

De acordo com o ministro da Saúde substituto, Rodrigo Cruz, a pandemia mostrou a importância do Sistema Único de Saúde (SUS), e seu sucesso tem por base a unicidade que abrange os âmbitos federal, estadual e municipal. “Temos agora 30 dias para vacinar nossas crianças com idade de até 15 anos. São vacinas seguras, e a gente incentiva que os pais levem as crianças para que possamos erradicar essas doenças”, finalizou.