Abono do PIS/Pasep é liberado para nascidos em maio e junho

0

SUL FLUMINENSE

Os trabalhadores do Sul Fluminense devem ficar atentos ao calendário do PIS/Pasep, ano-base 2017. Os beneficiários do abono salarial que nasceram em maio e junho podem sacar o benefício a partir desta quinta-feira, dia 14. O prazo é estipulado conforme o calendário escalonado 2018/2019.

O pagamento do Abono Salarial do PIS/Pasep concede valores que variam de R$ 84 a R$ 998, de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano-base 2017. O Programa de Integração Social (PIS) é creditado na Caixa, sendo que os titulares de conta individual neste banco, com cadastro atualizado e movimentação na conta, receberam o crédito automático do PIS antecipado na terça-feira, dia 12. Os pagamentos são escalonados conforme o mês de nascimento do trabalhador, e tiveram início em julho de 2018.

Para os nascidos em maio e junho o PIS tem disponível o montante de R$ 2.796.768.159,00, abrangendo 3.823.311 trabalhadores. O valor do benefício pode ser consultado no Aplicativo Caixa Trabalhador, no site da Caixa (www.caixa.gov.br/PIS) ou pelo Atendimento Caixa ao Cidadão no telefone gratuito 0800 726 0207. A Caixa disponibiliza R$ 16,3 bilhões para 22,3 milhões de beneficiários em todo o calendário.

Em relação ao Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), os beneficiados são funcionários públicos com final da inscrição número 8 e 9. A consulta é feita pelo site do Banco do Brasil (www.bb.com.br) ou pelo telefone 0800 729 00 01.

QUEM TEM DIREITO

O abono salarial é referente ao ano-base de 2017, ou seja, leva em consideração para o cálculo toda a movimentação financeira e os dados recebidos dos trabalhadores vinculados aos PIS/Pasep referente àquele período. Tem direito ao PIS/Pasep os trabalhadores cadastrados nos programas há pelo menos cinco anos, tendo ainda a necessidade de terem obtido o registro do trabalho comprovado em carteira assinada naquele ano por ao menos 30 dias, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos.

Para receber o abono, todos os dados precisam ser informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais). Portanto, é interessante ao trabalhador consultar a situação da sua Rais, seja com a direção de sua empresa ou com o departamento de contabilidade terceirizado, a fim de evitar transtornos após a abertura do prazo de depósito/saque pelas instituições financeiras.

PRAZO DE RETIRADA

O abono do PIS/Pasep pode ser sacado até o dia 28 de junho para todos os beneficiários, independentemente da data de nascimento ou número de inscrição no serviço público. Depois desta data, os recursos são transferidos ao Fundo de Amparo ao Trabalhador.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !