Projeto da Deam de Barra Mansa é apresentado ao secretário de Polícia Civil do Estado

0

RIO/BARRA MANSA
O chefe do Setor de Inteligência da 90ª Delegacia de Polícia (DP), inspetor Alexandre Ribeiro, esteve nesta terça-feira na Secretaria Estadual da Polícia Civil, no Rio de Janeiro, onde se reuniu com o secretário de Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro, delegado Flávio Marcos Amaral de Brito. O objetivo do encontro, que aconteceu no final da manhã, foi apresentar o projeto da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), em Barra Mansa. Estiveram presentes também o prefeito Rodrigo Drable e o deputado federal, Antonio Furtado. A intenção é que a secretaria entre com equipamentos e servidores e a prefeitura faria a obra.
Alexandre explicou que, além do prefeito Rodrigo Drable e o deputado Antonio Furtado, o delegado titular da 90ª DP, Ronaldo Aparecido Brito, e o deputado estadual Marcelo Cabeleireiro estão também à frente do grupo que apoia esse projeto. Disse ainda o inspetor que, o projeto foi bem aceito pelo secretário e que em breve Barra Mansa será beneficiada com uma unidade da Deam.
O projeto será a reforma da antiga delegacia, na Rua Pinto Ribeiro, Centro, através de uma parceria entre prefeitura e Governo do Estado. O local passará por ampliação de salas e estacionamento. O serviço contará com agentes especializados para orientar os munícipes e oferecer um atendimento mais direcionado às mulheres. A corregedoria continuará funcionando no local, no segundo andar.
SONHO ANTIGO
Alexandre lembrou que a implantação de uma Deam em Barra Mansa é um sonho antigo das mulheres residentes na cidade. Lembrou ainda, que a unidade vai oferecer ainda mais segurança para a população feminina, não somente de Barra Mansa, mas de toda a Região Sul Fluminense. “Sinto-me muito feliz de poder estar presente e lutando por um projeto tão nobre e de suma importância para a sociedade barra-mansense. Nesses 37 anos de polícia, sei a tamanha importância de uma Deam para o município. Em breve a cidadã barra-mansense terá uma onde recorrer”, destacou Alexandre.
O inspetor lembrou ainda que, além de oferecer mais segurança o público feminino, a unidade vai ajudar no melhor desempenho na 90ª DP, que poderá se concentrar mais nos crimes diversos, deixando a violência doméstica com a Deam. “Em breve será verificada a estrutura do projeto pelo município e depois idealizado com a ajuda do Estado”, concluiu.

 

error: Conteúdo protegido !