Projeto com capas de discos de vinil homenageia o Dia Mundial do DJ

0

RESENDE

O projeto ‘Arte na Capa’, realizado pela Prefeitura de Resende, através da Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda, neste mês de março celebra o Dia Mundial do DJ que foi celebrado no último dia 9. A exposição ‘Solte o Som’ está montada no Museu da Imagem e do Som de Resende, o MIS e tem entrada gratuita.

Segundo a prefeitura, os eventos culturais do MIS e Arquivo Histórico não sofrerão alteração de horário em virtude das estratégias para conter o coronavírus. Portanto, o público poderá visitar as obras até o dia 31, de segunda a sexta-feira, de meio-dia às 18 horas. O MIS localizado na Rua Dr. Luiz da Rocha Miranda, no Centro Histórico. A mostra é composta por 27 capas de discos de vinil da coleção do DJ Lezr.

De acordo com a Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda o tema de março do ‘Arte na Capa’ foi escolhido para comemorar o Dia Mundial do DJ, data criada no ano de 2002 por grupos de caridade como ‘World DJ Found’ e ‘Nordoff Robbins Music’, que usam a música para cuidar de pessoas doentes. “O Dia Mundial do DJ foi criado para homenagear os profissionais que entretém o público com seleções das mais variadas músicas e a data também foi criada para arrecadar recursos para as instituições que ajudam adultos e crianças doentes, em nome de toda a indústria internacional de discotecas”, disse Thiago Zaidan.

As 27 capas de discos escolhidas retratam a linguagem artística que transita desde a consciência ecológica, paixão automobilística, art pop & psicodélica, tecnologia e também o humor.

DJ LEZR

Eliezer Gastão, conhecido como DJ Lezr, também atua como produtor musical e radialista. O profissional nasceu em Resende e passou 15 anos atuando nos clubes do eixo Curitiba-Porto Alegre. Além disso, participou de diversos festivais conhecidos como o Oktoberfest.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !