PM de Barra Mansa apreende 2.358 papelotes de cocaína supostamente do traficante Juninho Nazaré

0

Agentes da 2ª Cia do 28° Batalhão da Polícia Militar, sob o comando do tenente Videira, apreenderam hoje no Vale do Paraíba 2.358 papelotes de cocaína e vasto material do tráfico, supostamente do traficante Juninho Nazaré. Ninguém foi preso durante a ação.

O A VOZ DA CIDADE esteve na 90ª Delegacia de Polícia e conversou com a equipe que participou da operação, cabos Amaral, Lazaroni, Augusto e soldado Landim, que explicou que ação foi uma sequência da apreensão ocorrida na noite de quarta-feira, 11, onde munições foram apreendidas em um tonel que estava enterrado.

 

 

 

 

 


Material ilícito foi encontrado dentro de um tonel que estava enterrado – Foto: Divulgação

Segundo um policial, eles retornaram ao local após receberem informações de que os traficantes teriam mudado as drogas de lugar após a operação da polícia. “Chegamos ao local na tarde de quinta-feira, 12, e observamos a área até às 19 horas, sendo possível notar a movimentação de traficantes com lanternas”, disse um PM, explicando que se sabe que os envolvidos na quadrilha de Juninho Nazaré são o seu sobrinho, identificado como Eliseu (gerente do tráfico do local) e um homem conhecido como ‘Tio Chico’.

“Voltamos ao local por volta das 5 horas de hoje e fizemos buscas no mesmo lugar onde avistamos a movimentação anterior. Achamos mil (um mil) pinos de cocaína já prontos para venda e seguindo o rastro dos traficantes, localizamos um tonel, após intensa busca, enterrado com mais três bolas de cocaína (de aproximadamente 40 gramas, cada), 1.358 papelotes da mesma droga e cerca de dois mil pinos vazios”, contou o agente ao A VOZ DA CIDADE. Os policiais fizeram buscas pelo local, e não localizaram os traficantes na segunda incursão. O material apreendido foi encaminhado para a delegacia, onde o caso foi registrado.

OCORRÊNCIA ANTERIOR

Agentes da 2ª Cia fizeram uma grande apreensão na noite de quarta-feira, dia 11, na Rua Goiânia, no bairro Nossa Senhora Aparecida (Região Leste). Ninguém foi preso.

A Polícia Militar informou ao A VOZ DA CIDADE que os agentes estiveram na Travessa Guimarães, por meio da guarnição do Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) de Rialto, cabos Ezequiel e Sandro; Patamo I, sargento Xavier e cabos Torres e Teruel; e Patamo II, cabo Guerra, Suendy e Souza Borges.  A operação teve início após informações da sala de operações sobre um material supostamente escondido em um tonel. Ainda segundo comunicado, o material seria de propriedade de Juninho Nazaré.

Após buscas pelo local, foram apreendidos no tonel uma pistola 9mm, 70 munições de 9mm e aproximadamente cinco mil pinos para embalar cocaína, todos vazios.

Ninguém foi preso na ação e o material descrito foi encaminhado para a 90ª Delegacia de Polícia, onde a ocorrência foi registrada.