PM apreende carro suspeito de envolvimento em mais de dez crimes

0

BARRA MANSA

Até a publicação desta nota, a 90ª Delegacia de Polícia estavava investigando a apreensão e as prisões de três suspeitos de crimes e de tráfico na cidade. Segundo informações obtidas com exclusividade pela equipe do jornal A VOZ DA CIDADE, hoje, o carro apreendido teria sido usado em pelo menos dez crimes ocorridos nos últimos tempos, entre eles nos bairros Getúlio Vargas (esta semana), Vila Elmira, Vila Ursulino e Siderlândia. Drogas e munições, além do automóvel, foram apreendidos. As prisões ocorreram na Rua Eduardo Junqueira e no bairro Apóstolo Paulo. Ainda segundo informações da PM, eles estariam programando mais assassinatos para a noite seguinte.

Não foi confirmada participação dos mesmos no crime ocorrido no entorno do Centro Universitário de Barra Mansa, no Centro, na última terça-feira, dia 31, quando um jovem morreu e outro foi ferido com um tiro na barriga.

PRISÕES

Nossa equipe acompanhou com exclusividade as prisões. A PM nos contou que passava hoje à tarde pela Eduardo Junqueira, quando teve atenção voltada para o Gol de placa KTT-9355, com dois homens. “Abordamos o veículo e encontramos duas munições e 20 sacolés de cocaína de R$ 50 (cada). Como o veículo já estava visado pela polícia, visto que em investigações de assassinatos a descrição do mesmo sempre era passada, questionamos ao motorista se era o mesmo carro. Ele confessou que era sim o automóvel e que em alguns momentos, foi utilizado por ‘amigos’ em assassinatos e em outros, por ele”, contou a polícia ao A VOZ DA CIDADE.

Os dois foram conduzidos até a 90ª DP, onde a polícia fez contato com outro suspeito através do WhatsApp, marcando um encontro se passando pelo preso. A PM foi até o local e pegou o terceiro suspeito, detido com mais de 30 pinos de cocaína.

A polícia acredita que os suspeitos estariam programando um homicídio para a noite de hoje, o que foi prejudicado pela atuação da PM.

Até a publicação desta nota, os três permaneciam na delegacia prestando esclarecimentos.

As apreensões foram realizadas pela PRF Fox, composta pelo cabo Teixeira e soldado R.Brito e a Patamo II, composta pelo sargento Jaques, cabo Marçal e soldados Pueblo e Vinicius.

 

error: Conteúdo protegido !