Contas de 2016 do Tico Tico recebem parecer prévio contrário

0

RIO CLARO

As contas de 2016 do ex-prefeito Sebastião Inácio Rodrigues, o Tico Tico, receberam parecer prévio contrário pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE). O relatório será enviado para a Câmara de Vereadores para que o Legislativo emita a decisão final que pode original na inelegibilidade do ex-prefeito, caso o parecer do TCE seja seguido.

O relator do processo das contas do ex-prefeito foi o conselheiro Rodrigo Melo do Nascimento. Ele encontrou três irregularidades nas contas: déficit financeiro que, ao fim de 2016, resultou no montante de R$ 11.335.592,86; assunção de obrigação de despesa que não possa ser cumprida integralmente dentro dele, ou que tenha parcelas a serem pagas no exercício sem que haja suficiente disponibilidade de caixa para este efeito; e cancelamento de restos a pagar sem justificativa na ordem de R$ 6.379.450,19. Foram constatadas 12 impropriedades e 15 determinações.