Atualização: chuva em Volta Redonda registra 48 mm e ventos de 60 Km/hora

0

VOLTA REDONDA

Uma chuva de 48 milímetros, registrado até a publicação dessa reportagem, caiu em Volta Redonda na tarde de hoje, causando maior prejuízo para a área central do município, como nas Avenidas Amaral Peixoto e Getúlio Vargas e a Rodovia Tancredo Neves. No pico da chuva, por volta das 16h15min, foi registrado 22 milímetros de água. Devido a grande quantidade de chuva, diversos pontos de alagamentos foram vistos. Pessoas fizeram registros nas redes sociais onde ruas se transformaram em rios. Foram 17 ocorrências para a Defesa Civil, sendo a grande maioria por queda de árvores devido a ventania de quase 60 quilômetros por hora.

Segundo o coordenador da Defesa Civil, Rubens Siqueira, em duas horas de chuva houve o que chamam de chuva localizada, apenas em uma área. “São diversas frentes e os ventos vão empurrando as nuvens em áreas que têm menos massa de ar quente. Tivemos alguns transtornos de quedas de árvores, como em uma casa, onde a prefeitura já trabalha para resolver no núcleo Tancredo Neves. E teve uma árvore que caiu em cima de um carro que estava estacionado no bairro Colina”, disse, informando que a água já tinha baixado  nos locais onde houve alagamentos, por volta das 18h30min.

Rubens esclareceu que há dois meses foi feita toda a desobstrução nas caixas de águas pluviais ao longo da Rodovia Getúlio Vargas. “Se não tivéssemos feito isso a situação seria ainda mais caótica. Devido a grande quantidade de água a rede por um momento não deu vazão, mas logo depois a água começou a escoar”, informou.

A prefeitura iniciou a limpeza na cidade ainda na noite de hoje. Comércios na área atingida foram atingidos pelas águas e não houve nenhum registro de pessoas desalojadas.