Setor agropecuário fomenta a economia de Quatis

0

QUATIS

O governo municipal considera que o investimento na compra de frutas, verduras e legumes, entre outros tipos de produtos fornecidos pelo Programa Nacional de Agricultura Familiar (Pronaf) além de garantir a merenda escolar também incrementa a economia local. Em 2018, a Prefeitura de Quatis aplicou mais de R$ 106 mil dos recursos federais da merenda escolar na compra de produtos hortifrutigranjeiros fornecidos pelos agricultores cadastrados no Pronaf.

De acordo com o prefeito Bruno de Souza (MDB), o total de recursos da merenda escolar aplicados na compra junto aos agricultores familiares, em 2018, alcançou o percentual de verbas indicado pelo Governo Federal para esta despesa – 30% do valor repassado aos municípios através do Programa Nacional de Alimentação Escolar. No ano passado, foram pelo menos 22 toneladas de alimentos fornecidas pelos agricultores familiares para a merenda das 11 escolas e as duas creches municipais. São 2,4 mil estudantes na rede, consumindo duas refeições em cada uma das dez escolas para cada aluno e cinco refeições diárias nas duas creches municipais, para cada criança matriculada.

Além de agricultores familiares domiciliados em Quatis, foram adquiridos produtos da Associação dos Produtores Familiares de Santa Rita e Região, cuja sede fica no Município de Barra Mansa. Bruno explicou que em breve a Secretaria Municipal de Educação vai abrir mais um processo administrativo visando à aquisição de uma nova remessa de gêneros alimentícios fornecidos pelos produtores locais cadastrados no Pronaf. “O apoio da nossa administração ao segmento agropecuário não acontece apenas por meio da conservação e manutenção das estradas rurais, mas também de iniciativas realizadas com o objetivo de garantir a geração de renda aos produtores rurais, incluindo, obviamente, os agricultores familiares. No ano passado, por exemplo, cedemos um trator zero quilômetro para auxiliar os produtores no preparo da terra, durante o processo do plantio. Já a prioridade da aplicação dos recursos federais na aquisição da merenda escolar junto aos agricultores familiares se constitui também em outra ação concreta do nosso governo neste sentido”, afirma o prefeito Bruno de Souza.

PRODUTOS

Entre os produtos da merenda escolar adquiridos junto aos agricultores familiares estão banana, maracujá, tomate, abobrinha verde, pimentão, louro seco, repolho verde, abóbora madura, cheiro verde, aipim, alface, brócolis, couve manteiga e espinafre. A merenda escolar servida diariamente nas unidades de ensino do Município é composta ainda por outros gêneros alimentícios, que são compradas de outros produtores, por meio de recursos federais e verbas próprias da prefeitura, como: arroz, feijão, macarrão, leite, alho, cebola, carne e frango, além de outras frutas não fornecidas pelos produtores da agricultura familiar, entre outras mercadorias.

error: Conteúdo protegido !