Menino de Volta Redonda diagnosticado com Leucemia Linfoblastica precisa de doadores de sangue e ajuda para seguir tratamento  

0

VOLTA REDONDA 

Há oito meses diagnosticado com Leucemia Linfoblastica Comum B (LLA), o menino Davi Luiz Batista, de seis anos, está precisando de doadores de sangue e de ajuda para seguir com o tratamento. Residente no bairro 207, em Volta Redonda, e internado no Hospital Federal dos Servidores do Estado do Rio de Janeiro, na Rua Sacadura Cabral, Centro, Davi por permanecer muito tempo deitado, usa fraldas e gasta muito lenço umedecido e pomadas de assaduras.

Segundo informou o pai do menino, o mecânico Wellington Antonio Batista, de 30 anos, ao A VOZ DA CIDADE, Davi precisa de sangue tipo “A+”. A doação de acordo com pai, pode ser feita no Hemonúcleo do Hospital Federal. Disse ainda que interessados em doar podem ligar para (24) 99281-5302, que o veículo para levar o doador ao Rio será providenciado. Já os interessados em ajudar a custear as fraldas e os outros itens que o menino necessita, além de medicamentos, o banco 3352, conta 02005255-8, em nome de Wellington Antonio Batista, Banco Santander. Wellington lembrou que o propósito principal da campanha de doação de sangue é que Davi está com as plaquetas baixas e em função disso, ele tem muitos sangramentos. “Por isso precisamos ter uma sequência de doações.

Quem puder e quiser podem me ligar ou mandar mensagem pelo WhatsApp que eu estou organizando um automóvel para levar as pessoas ao Rio”, informou o pai. Desde já agradeço a todas as pessoas que puderem nos ajudar”, concluiu.