Lavar o rosto pode não ser algo tão simples

0

Barra Mansa

Parece algo muito simples, mas se a mulher não lavar o rosto corretamente pode deixar a pele mais oleosa e propensa à acne, cravos e até irritações e inflamações mais sérias.

Poluição, oleosidade e restos de células que sobraram do processo de renovação formam uma camada de sujeira que precisa ser removida diariamente. A primeira dica é: não usar água quente, pois isso aumenta a oleosidade, o que pode causar acne e dermatite seborreia. Outra indicação é não usar o mesmo sabonete para o corpo.

A dermatologista Andrea Fortes explica que a pele da face enfrenta muitos ‘desafios’ ao longo do dia como cremes, maquiagens, além de passar as mãos no rosto constantemente. A pele ainda sofre com a poluição, as células mortas e todos os tipos de sujeira que entram em contato facilmente com o rosto exposto. “O resultado disso são poros obstruídos, oleosidade, cravos, espinhas e até mesmo linhas de expressão e envelhecimento precoce. Esse é o resultado quando não lavamos o rosto corretamente todos os dias. Apesar de existirem ótimos tratamentos no mercado, alguns danos à pele são irreparáveis. Com a ação do tempo, fica ainda mais difícil recuperar a beleza que o rosto já teve um dia. Por isso, a solução mais eficaz é investir em uma boa higienização”, destaca.

A profissional ainda informa que a maquiagem não é uma vilã se retirada de forma correta. “Use um demaquilante para retirar resíduos porque o uso do sabonete específico não consegue retirar impurezas que ficam mais profundamente na pele. ensina que lavar o rosto evita que a maquiagem empurre essas impurezas para dentro dos poros e feche-os, causando inflamações como a acne”, explica.

DICAS

Pele normal

A menos comum dentre todos os tipos apresenta uma textura aveludada, com a elasticidade normal e não produz gordura natural excessivamente (caso da pele oleosa). Além disso, tem um aspecto rosado, com poros pequenos e tem pouca propensão à acne e manchas.

Pele seca

A pele seca é aquela que tem uma perda de água maior do que o normal, por isso, pode ficar mais vermelha e descascar com frequência. Também tem mais chances de apresentar rugas pela falta de hidratação natural. Além da origem genética, pode ser causada por banhos muito quentes, o tempo frio ou seco, vento e a radiação ultravioleta.

Pele Oleosa

Considera-se oleosa a pele que tem um aspecto mais brilhante e úmida, resultado da produção maior de sebo, a gordura natural do corpo. Alterações hormonais, excesso de sol, estresse e dietas ricas em gordura podem aumentar ainda mais esse quadro. É mais propensa à acne, cravos e espinhas.

Pele Mista

Ainda que muita gente confunda a pele mista com a oleosa, esse tipo é o mais comum de todas. Isso porque a oleosidade se concentra na chamada ‘zona T’: testa, nariz e queixo, mas é seca na região das bochechas e também nas extremidades. Mesmo que tenha essa parte mais oleosa, tem propensão à descamação e ao surgimento das rugas finas e precoces.

Conheça o procedimento ideal para lavar o rosto

1- Com água morna, molhe o rosto e passe o sabonete específico, sem esfregar muito;

2- Enxague e seque levemente com a toalha;

3- Aplique o tônico facial com um algodão; ele também serve para remover a maquiagem;

4- Hidrate a pele com um creme para rosto indicado para o seu tipo de pele (normal, oleosa ou seca);

5- Passe o protetor solar para finalizar. À noite não é preciso passar o produto novamente;

6- Faça esfoliação duas vezes por semana;

7-Evite usar buchas, tomar banhos muito quentes e prolongados, principalmente no inverno.

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !