Réveillon favorece as ações no setor do turismo no Sul Fluminense

0

SUL FLUMINENSE

O último fim de semana prolongado do ano promete movimentar a rede hoteleira do interior fluminense, com alta taxa de ocupação para o Réveillon, celebrado na terça-feira, dia 31. É grande o fluxo de turistas pelo litoral e também cidades próximas da Serra da Mantiqueira, região que oferece destinos distintos tanto para quem busca paz e o aconchego da serra, ou o calor e o clima de festa nas praias do litoral. Na Costa Verde, as cidades de Angra dos Reis e Paraty são os locais mais procurados tanto pelos turistas brasileiros quanto os estrangeiros. Tombadas pelo Patrimônio Cultural, Histórico e Artísticos da Unesco, a Ilha Grande, em Angra, e Paraty apresentam taxa de ocupação na rede hoteleira acima dos 80%.

O litoral com praias e animação é opção para milhares de turistas neste Réveillon – Foto: Divulgação

A região é rota, inclusive, de diversos transatlânticos com milhares de turistas. Na cidade de Angra dos Reis, a expectativa é que a alta temporada leve até o mês de março de 2020, o total de 44 navios e mais de 160 mil turistas. O impacto na economia supera R$ 1 milhão, segundo dados da Fundação de Turismo de Angra dos Reis (TurisAngra).

Segundo a TurisAngra, em 2018, a taxa de ocupação, no período de Réveillon, foi de 75%. Em 2019, no mesmo período, a estimativa é que 85% dos aproximadamente 12 mil leitos da cidade estejam ocupados. Além das belezas naturais e gastronomia, Angra oferece linha de shows e festas de fim de ano, conquistando turistas de diversas localidades e países. “Estamos com uma programação muito forte no Réveillon da cidade, com shows do Michel Teló e Claudia Leitte, na Praia do Anil. No Abraão, na Ilha Grande, também teremos quatro dias de festas e show do Detonautas. A Procissão Marítima vai abrir o próximo ano, com show do Molejo após o evento. Teremos também festas em condomínios e hotéis”, destacou o presidente da TurisAngra, João Willy Peixoto.

Em Penedo, a Pequena Finlândia encanta os turistas com decoração diversificada – Foto: Divulgação

CLIMA AMENO NA SERRA

Para o turista que busca lazer e um clima ameno, Penedo, em Itatiaia, e Visconde de Mauá, em Resende, são alguns atrativos para o Réveillon. Em Penedo, o bairro mais famoso de Itatiaia onde esta situada a única Colônia Finlandesa no Brasil, os turistas lotam hotéis e pousadas. A Secretaria de Turismo de Itatiaia confirmou nesta sexta-feira taxa de ocupação acima de 80%, o que tende a crescer com as reservas e turistas de última hora ao longo do fim de semana prolongado.

 

O pórtico do bairro e ruas mantém a iluminação de Natal como destaque, sem falar na Pequena Finlândia, o centro comercial também conhecido como a Casa do Papai Noel. “Penedo está pronto para receber o turista neste fim de semana prolongado contando com os seus diversos atrativos”, comenta o secretário de Turismo, Alexandre de Rezende. No bairro mais famoso de Itatiaia, situado às margens da Via Dutra, o turista encontra ainda, cachoeiras, picos, artesanato e gastronomia típica da Finlândia e outras especialidades do mundo como Argentina, Itália e Alemanha. Ainda em Itatiaia, no alto da serra, o turista pode visitar Maringá e Maromba, próximas de Visconde de Mauá.

Visconde de Mauá é atrativo para quem ama natureza e o clima de montanha – Foto: Divulgação

LOTAÇÃO EM MAUÁ

No distrito resendense, a Associação Turística e Comercial da Região de Visconde de Mauá (Mauatur) afirma que a taxa de ocupação está na faixa dos 85%. São 1.800 leitos de hospedagem. A região tomada pelas araucárias fica a 1.200 metros acima do nível do mar: paz e clima ameno são os pontos fortes do Réveillon em Mauá. “Temos como tradição até mesmo não realizar queima de fogos exagerada, alguns estabelecimentos celebram, mas de forma geral prevalece o clima tranquilo da serra”, afirma Paulo Gomes Oliveira, presidente da Mauatur. “Para o Ano Novo, pacotes promocionais foram criados do dia 28 ao dia 3”, cita. Na mesma região, o turista pode ainda conhecer a Serrinha do Alambari e a Capelinha, por exemplo. Para quem ainda busca pacotes para a região, a dica é consultar a Mauatur, os contatos constam no site www.visiteviscondedemaua.com.br.