Páscoa: troca de presentes deve movimentar R$ 1 bi na economia

0

SUL FLUMINENSE

Com a proximidade da Páscoa o comércio se prepara para a venda de chocolates e outros produtos como bichos de pelúcia. Sejam ovos, caixas de bombom, barras de chocolate ou outras lembrancinhas quem pretende investir em presentes nesta data deve contribuir para que a economia fluminense registre movimento de R$ 1 bilhão.

Os dados são de uma pesquisa do Instituto Fecomércio de Pesquisas e Análises (IFec), elaborada entre os dias 12 e 14 de março, a pedido da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio). O levantamento abordou 500 pessoas residentes no estado. Ao menos 76,2% dos entrevistados afirmaram o desejo de presentear alguém neste período, o dado equivale ao total de 9,7 milhões de pessoas.

A pesquisa da Fecomércio indica a tendência de presentes entre os consumidores

Segundo a Fecomércio, o gasto médio dos consumidores com todos os presentes deve girar em torno de R$ 103. Dentre os produtos mais procurados para compra nessa Páscoa estão os bombons, apontados por 64,6% dos entrevistados. Em seguida aparecem os tradicionais ovos de chocolate, que tem a preferência de 63,5% dos participantes questionados.

Com preços mais em conta, as barras de chocolate foram citadas como presente de Páscoa por 59,8% dos entrevistados. Já os mais conservadores da data garantem que vão agradar alguém nesta Páscoa comprando de presente um bichinho de pelúcia (11,8%). Por fim, a pesquisa indica que 1,8% dos entrevistados pretendem comprar outras lembrancinhas de presente de Páscoa.

INCLINAÇÃO REGIONAL

No Sul Fluminense não é difícil encontrar lojas que exploram a data focada nesta iniciativa de presentes, sejam os bichos de pelúcia ou os chocolates. “Nunca presenteei ou ganhei um bicho de pelúcia na Páscoa, acho legal, mas não compraria. Sou mais a favor da tradição do chocolate, principalmente para as crianças. Tenho duas filhas e se não tiver ovo de Páscoa elas cobram. Já andei analisando preços e pretendo gastar ao máximo R$ 100”, comenta a gerente comercial Amanda Ribeiro.

Os estabelecimentos comerciais estão preparados para as vendas dos ovos de chocolate

As lojas especializadas contam com o misto de presente para a Páscoa, como cestas onde além do chocolate o consumidor pode garantir um mimo com bichinhos de pelúcia. Os valores partem de R$ 79,90, “Aceitamos encomendas, pois a procura nos últimos dias deve crescer bastante. As vendas estão boas, apesar de sabermos que o auge mesmo ocorre na véspera. Atrelar os ursinhos aos chocolates, bombons, numa cesta bem montada sempre rendem boas vendas. Ideal para troca de presentes entre casais”, comenta o vendedor Samuel Francisco.

De forma isolada, é possível encontrar em lojas de artigos populares diversos modelos de ursinhos de pelúcia. Os valores partem de R$ 9,90 e variam conforme o tamanho e modelo. Já entre os ovos de chocolate a diversidade de preços, sabores e tamanhos deixam os amantes da Páscoa entusiasmados. “Há ovos com diversos recheios, alguns com cobertura especial. Existem os das marcas tradicionais, mais em conta. Sugiro para quem pensa em trocar presentes de Páscoa que compre antecipadamente garantindo preço e variedade”, comenta a vendedora Gláucia Consuelo.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !