Mais uma troca de tiros entre PMs e criminosos acontece em Resende

0

RESENDE

Policiais do 37º Batalhão de Polícia Militar (BPM) trocaram tiros na noite de quinta-feira, dia 15, com traficantes no bairro Baixada da Olaria, na região da Grande Alegria. Este foi o segundo confronto ocorrido nesta semana com criminosos. Nenhuma pessoa foi ferida durante o tiroteio. Até o fechamento desta reportagem, nenhum criminoso havia sido preso. Mais de 160 cartuchos deflagrados de pistola calibre 9mm e de fuzil 556 foram arrecadados no local do confronto.

De acordo com a Polícia Militar, a equipe do Posto de Policiamento Comunitário (PPC) Alegria fazia patrulhamento no bairro Baixada da Olaria quando sofreu uma emboscada de homens armados. De imediato, os policiais revidaram a agressão. Eles pediram apoio de outras guarnições e os criminosos conseguiram fugir. Após cessar os tiros, os policiais realizaram busca no local e encontraram 167 cartuchos deflagrados, sendo 153 de pistola 9 mm e 14 de fuzil 556.

Até o momento, segundo a Polícia Civil, nenhum criminoso ferido deu entrada nos Prontos Socorros de hospitais da região.

Todos os cartuchos deflagrados foram apresentados na 89ª Delegacia de Polícia, onde a tentativa de homicídio foi registrada.

CABO-PM BALEADO EM TIROTEIO

Este foi o segundo confronto entre policiais e traficantes ocorrido nesta semana em Resende. No final da tarde de terça-feira, dia 13, no bairro Jardim Beira-Rio, um cabo-PM, de 31 anos, foi baleado nas costas. O projetil atingiu o colete a prova de balas do policial militar. Os criminosos conseguiram fugir após o tiroteio.

De acordo com a Polícia Militar, ao passar pela Rua dos Trabalhadores os policiais se depararam com cerca de sete homens armados. O grupo realizou disparos de arma de fogo contra os militares. Rapidamente, os policiais conseguiram se abrigar e pediram reforços com outras guarnições. Após a chegada do reforço, os policiais entraram em um terreno baldio a procura dos suspeitos. No entanto, nenhum dos criminosos foram encontrados. Quando retornavam para o local onde as viaturas ficaram baseadas, novamente, as equipes foram atacadas a tiros pelos bandidos. Os policiais revidaram a agressão. Ao cessar fogo, o cabo que estava na equipe de apoio, percebeu que foi baleado nas costas. O projetil acabou parando no colete balístico. Ele foi encaminhado para o Pronto Socorro do Hospital Municipal de Emergência Henrique Sérgio Gregori, no bairro Jardim Jalisco. Após atendimento, foi liberado. Uma das viaturas da Polícia Militar também foi atingida por tiros na parte traseira.