Exército realiza demonstração de força e tiro das Armas Coletivas na Aman, em Resende

0

RESENDE

Como parte das últimas etapas da Manobra Escolas, uma das mais importantes atividades de combate simulado do Exército Brasileiro que se encerra na próxima sexta-feira, dia 16, a Academia Militar das Agulhas Negras, promove nesta terça-feira, a Demonstração de Força e Tiro das Armas Coletivas. Nesta atividade serão executados tiros de Artilharia, com o lançador de mísseis ASTROS e de Cavalaria com o blindado Leopard, além de desdobrados meios de Engenharia e o voo das Aeronaves de combate. A atividade acontece a partir das 13h30min, na Pista Andrade Neves, no interior da Aman.

De acordo com a Seção de Comunicação Social da Academia a Demonstração de Força e Tiro das Armas Coletivas encerram as atividades no terreno da Manobra Escolar 2018. Serão executados tiros de Artilharia, com o lançador de mísseis ASTROS (Artillery SaTuration ROcket System, ou Sistema de Foguetes de Artilharia para Saturação de Área) e de Cavalaria com o blindado Leopard, desdobrados meios de Engenharia e o voo das Aeronaves de combate. “A Demonstração de Força e Tiro é um tipo de Operação Militar que visa demonstrar poderes de dissuasão e força e não tem o objetivo final o ataque sobre o inimigo. O Poder de dissuasão é deixar o inimigo com receio de ataque, uma vez que sabe o poder de fogo”, informou a Assessoria, destacando que será executado o tiro com foguetes do Sistema ASTROS que fará o lançamento de um míssil e faz parte de um dos projetos estratégicos do Exército, tiros do blindado alemão Leopard, utilizado pelas tropas de Cavalaria, a artilharia será levada por aeronaves e desdobramento de pontes da arma de Engenharia demonstrando poder de mobilidade e contra mobilidade. “O lançamento do míssil tem um grande alcance e será dado na Pista Andrade Neves, no interior da Aman e deverá atingir o campo de instrução da Academia”, completa.

A Demonstração de Força e Tiro é um tipo de Operação Militar que visa demonstrar poderes de dissuasão e força e não tem o objetivo final o ataque sobre o inimigo-Arquivo Vc

MANOBRA ESCOLAR

A Manobra Escolar, exercício militar organizada pelo Departamento de Educação e Cultura do Exército, teve início no último dia 5 e segue até o dia 16, reunindo 4,3 mil militares, mais de 500 veículos militares e cerca de 10 aeronaves.

No simulado, estarão sendo empregados os mais modernos equipamentos e armamentos em uso pelo Exército, além de contemplar diversos aspectos da guerra moderna, como o combate a forças irregulares e o enfrentamento em ambiente humanizado.

Segundo informou a Seção de Comunicação Social da Aman, durante o período de realização da Manobra Escolar os moradores da cidade de Resende e região presenciarão uma grande movimentação de militares, aeronaves e viaturas pelos municípios e também pela Rodovia Presidente Dutra. “Os 4300 militares mobilizados estiveram durante 192 horas em atividade no terreno, atiraram com 55.950 cartuchos de munições dos mais diversos calibres, consumiram 14.952 refeições em ração operacional, movimentaram-se em 550 viaturas, que consumiram 23.287 litros de combustível, tiveram à sua disposição 10 aeronaves, que executaram 105 horas de voo. Os grandiosos números expressam a preocupação do DECEx em formar exemplarmente seu material humano, sem poupar esforços logísticos e operacionais para que tenham contato com os mais modernos meios e armamentos em utilização pelo Exército Brasileiro”, informou a Assessoria.

Além dos exercícios militares, também foram realizadas ações cívico-sociais, nas quais o Exército estará prestado diversos serviços à população civil, como atendimento médico-odontológico e ambulatorial e também reforçar a integração da Força Terrestre com as comunidades. Foram visitadas as comunidades de Nossa Senhora do Amparo, em Barra Mansa; Falcão, em Quatis, Resende e Porto Real.

 

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !