Sindicato da Construção Civil e Sindemon discutem CCT no dia 12

0

VOLTA REDONDA

O Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil de Volta Redonda e região inicia na quinta-feira, dia 12, as negociações da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) 2020/2021 do setor de montagem industrial, que tem data-base em 1º de fevereiro. A reunião está marcada com o Sindicato das Empresas de Engenharia de Montagem e Manutenção Industrial (Sindemon), na sede desta entidade, no Rio de Janeiro.

O objetivo nas negociações é alcançar o reajuste salarial com a reposição da inflação, aumento na cesta básica e a Participação nos Lucros e Resultados (PLR), entre outros direitos. Além disso, o sindicato vai atuar para que o trabalhador não tenha perdas de benefícios, já conquistados em acordos anteriores, como hora extra, vale-transporte, café da manhã, etc. “Iniciamos essas negociações conscientes das dificuldades que vamos enfrentar para fechar as convenções, pois a retirada de direitos dos trabalhadores começou com a reforma trabalhista e prossegue no governo Bolsonaro. O trabalhador precisa manter os olhos bem abertos para essa realidade e continuar sendo resistência junto com o seu sindicato”, ressalta o presidente da entidade, Sebastião Paulo de Assis.

Além do setor de montagem industrial, ainda neste primeiro semestre, a entidade começará as negociações das convenções dos trabalhadores da construção pesada, do mármore e granito e da construção civil leve, com datas-bases em 1º de fevereiro, 1º de maio e 1º de julho, respectivamente.

As reuniões serão agendadas com as entidades que representam as empresas desses três setores: Sindicato Nacional da Indústria da Construção Pesada, Sindicato da Indústria de Mármores, Granitos e Rochas Afins e Sindicato das Indústrias da Construção e do Mobiliário.

error: Conteúdo protegido !