Produtores familiares da região receberão mais de R$ 2 milhões em recursos

0

SUL FLUMINENSE

Mais R$ 2 milhões em recursos diretos para produtores familiares do Sul Fluminense serão liberados até esta sexta-feira, dia 8, pelo Programa Rio Rural, da Secretaria Estadual de Agricultura. Idealizado pelo deputado Christino Áureo, quando estava a frente da pasta, o programa que visa a promoção da agricultura sustentável conta com recursos do Banco Mundial e já beneficiou mais de 45 mil produtores familiares em 373 microbacias de 78 municípios fluminenses, com incentivos para a adoção de práticas sustentáveis, harmonizando a produção de alimentos e a recuperação. Para o deputado, este é um programa fundamental para o nosso estado.

Produtores da região Sul do estado já tinham recebido até o mês de abril R$ 4,5 milhões para a implantação de subprojetos individuais, diretamente para o produtor, ou coletivos, beneficiando suas associações e cooperativas. Este último foi o caso do projeto de incentivo à cadeia produtiva do leite, concedido à Cooperativa Agropecuária Nossa Senhora do Amparo, em Barra Mansa, que permitiu a reestruturação da planta industrial da unidade, que reúne 130 cooperados e capacidade de produção de 13 mil litros por dia. Segundo a secretaria estadual, o apoio do Rio Rural também permitiu à cooperativa relançar a marca Garça Branca, que já foi referência em laticínios na região.

Para Valença, foram destinados à 53 produtores familiares R$ 319 mil, destinados para melhoria da produção leiteira associada com ações ambientais com a proteção de nascentes. O total destinado pelo Rio Rural para a cidade soma R$ 878 mil.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !