Operação ‘Penalidade Máxima’ apreende mais de um quilo de cocaína e outras drogas em Paraíba do Sul

0

PARAÍBA DO SUL

A Operação ‘Penalidade Máxima’, deflagrada esta semana, em Paraíba do Sul, pela Polícia Militar, visou desmantelar um grupo criminoso que praticou, recentemente, roubos contra um taxista e um jogador de futebol. A ação contou com a integração de agentes da 107ª Delegacia de Polícia (DP) e agentes a 1ª Cia, 2ª Cia e Serviço Reservado (P2) do 38º Batalhão de Polícia Militar (BPM).

A informação é de que o grupo criminoso, que reside em Três Rios, no bairro Cidade Nova, foi o alvo da ação através de cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão. Ao todo foram identificados seis envolvidos nos crimes de roubo, como um adolescente, de 17 anos, e cinco adultos com idades entre 22 e 33 anos.

PRESOS NA OPERAÇÃO

Dois dos suspeitos foram presos nesta operação. Outros já haviam sido presos no curso da investigação por participação em outros crimes, entre eles tráfico de droga e tentativa de homicídio. Um dos procurados, de 26 anos, não foi encontrado e é considerado foragido. Quanto ao menor envolvido, a situação dele ainda será analisada pela Justiça.

Na residência dos presos apreenderam roupas usadas nos roubos praticados pelos suspeitos e também o veículo que era utilizado pelo grupo, um Fiat Pálio. Na casa de um dos suspeitos, os polícias também encontraram 68 pinos de cocaína e uma saca contendo mais de um quilo da mesma droga, motivo pelo qual ele e o comparsa foram presos também em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

FORÇA POLICIAL

Segundo comentou a delegada titular da 107ª DP, Cláudia Abbud, com essa Operação, a força policial de Paraíba do Sul espera que os criminosos, principalmente, os de cidades vizinhas possam finalmente entender que é um péssimo negócio delinquir no município. Comentou ainda que os mais recentes crimes de roubos de veículos ocorridos em Paraíba do Sul foram todos praticados por pessoas de fora da cidade e todos os casos foram solucionados, sendo os autores identificados e presos.

O comandante da 2ª CIA, tenente Raphael reforçou o empenho deste trabalho realizado no município. “Este trabalho de integração do 38º BPM, através do comandante do 38º BPM, tenente coronel Luiz e seu subcomandante, Major Marcelo, e da 107ª DP, tem mantido os bons índices de segurança pública na cidade, que neste ano de 2020 não registrou nenhum homicídio. A polícia espera reafirmar que qualquer ação criminosa como essa não será tolerada e será duramente reprimida na forma da lei”, concluiu o comandante.

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !