Funcionário de prestadora de serviços da CSN que sofreu acidente na UPV continua internado

0

VOLTA REDONDA
Até o fechamento desta edição, seguia internado o funcionário da empresa Campesi, prestadora de serviços da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN). Ele acidentou no interior da Usina Presidente Vargas (UPV), na tarde do último sábado, dia 14, e seu estado de saúde seguia estável.
Vale ressaltar que, além desse funcionário, que não teve a idade informada, outro operário também se envolveu no acidente. Trata-se de Luiz Paulo da Silva, de 51 anos, que não resistiu. Os dois realizavam um serviço de reparo na tubulação de gás nas proximidades do Alto-Forno 2, quando o acidente aconteceu.
No início da noite de sábado, a Assessoria de Imprensa da CSN confirmou o acidente e lamentou a morte do funcionário da prestadora Campesi. Garantiu ainda a nota que a CSN e a Campesi estão prestando toda assistência às famílias dos dois trabalhadores. As causas do acidente seguem sendo investigadas.