Com menos doses que esperado, Barra do Piraí faz esquema de vacinação com ‘prioridade das prioridades’

0

BARRA DO PIRAÍ

Sem as 40 mil doses da CoronaVac  já compradas por Barra do Piraí, e com o recebimento de um número menor de imunizantes para o grupo prioritário do município, a prefeitura teve que segmentar quem irá receber as primeiras 1,8 mil doses enviadas pelo Governo Federal. Chamado pelo secretário de Saúde, Wagner Teixeira, de ‘prioridade das prioridades’, o público alvo que receberá a maior quantidade das doses são os trabalhadores de saúde, com previsão de imunização de 795 pessoas. Wagner destacou que isso será feito em três hospitais, principalmente com os que estão na linha de frente contra a Covid-19.

Além dos profissionais de saúde, serão imunizados 59 idosos institucionalizados e quatro pessoas com deficiência do Centro de Atenção Psicossocial. A vacina, está prevista para chegar a Barra do Piraí até está terça-feira, dia 19, no Posto de Saúde Albert Sabin, no bairro Santana. Ainda de acordo com o secretário de Saúde, eram esperadas cerca de quatro mil doses da vacina para poder imunizar pelo menos todos os profissionais de saúde.  Segundo Wagner Teixeira, dentro de 15 dias, mais 900 doses devem chegar ao município barrense.

O chefe da pasta de Saúde falou ainda das 40 mil vacinas já compradas pelo município, e confirmada na semana passada o valor de R$ 2,2 milhões. Barra do Piraí foi uma das pioneiras da região a comprar o imunizante, contudo, com a obrigatoriedade de se encaminhar quase todo o imunizante para o Ministério da Saúde, a cidade não recebeu as doses acertadas. “Vamos lutar para que estas 40 mil que foram pagas cheguem até nós. O caso está no Supremo Tribunal Federal (STF), e vamos aguardar. O mais importante, agora, é que, mesmo de forma reduzida, a vacina está chegando. Agora é esperar”, finalizou.

 

error: Conteúdo protegido !