Programação especial na Praça da Matriz celebrou Dia Internacional da Mulher, em Barra Mansa

0

A Praça da Matriz foi palco, nesta quinta-feira, dia 8, de uma série de atividades culturais e de lazer em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, celebrado neste dia 8 de março. A programação incluiu apresentações de capoeira, desfile que coroou a Miss Melhor Idade, aulas de Aero Box e Zumba, stands com informações sobre violência contra a mulher, programa Vida Saudável, feira orgânica e de artesanato.

Segundo a gerente de Turismo da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Bhella Santos, responsável pelo artesanato do município, o intuito do evento foi proporcionar aos artesãos um dia diferente, principalmente as mulheres. “Hoje são 85 artesãos aqui, em sua maior parte mulheres, e é a primeira vez que eles expõem na Matriz após sua revitalização. E é um momento bacana, por ser Dia da Mulher, e porque além de estarem expondo e vendendo seu trabalho também estão se divertindo. Nosso objetivo foi oferecer a essas mulheres um momento diferente, por isso estamos realizando as atividades neste espaço mix, integrando as ações com as outras secretarias”, destacou Bhella, informando que mais de 700 pessoas já haviam passado pelo local até a tarde desta quinta.

Durante o evento, os participantes também receberam atendimento médico como aferição de pressão e glicemia pela Cruz Vermelha de Barra Mansa. A Associação de Apoio a Portadores de Leucemia do Sul Fluminense (AAPL) proporcionou um dia de beleza para as mulheres com várias atividades que estimularam o amor próprio e o cuidado com o visual como maquiagem e design de sobrancelha

CAPOEIRA NA TERCEIRA IDADE
Integrada às atividades pelo Dia da Mulher estiveram a Secretaria de Juventude, Esporte e Lazer; e o Centro do Idoso. Durante o evento, alunos do projeto “Capoeiridade”, do Grupo Abadá Capoeira, realizam uma apresentação que encantou quem passava pelo local. Uma das que mais chamaram a atenção ao jogar capoeira estava a aposentada Corina Gomes, de 82 anos. Ela contou que já pratica a modalidade há cerca de um ano.

Aposentada Corina Gomes, de 82 anos, dá um show de vitalidade na capoeira – Foto: Fábio Guimas

“É muito bom, hoje eu me sinto mais leve, mais solta. E o professor Pretinho faz a gente rir, é muito bom”, comentou Corina, que foi seguida pela amiga, a costureira Maria Aparecida Teixeira, de 68 anos.
“Faço a cinco meses por causa da Corina, ela que me incentivou a fazer. E estou achando uma maravilha, é muito bom mesmo. Os benefícios vão além do corpo, a gente participa de vários eventos, faz amigos”, exaltou.

A secretária de Juventude, Esporte e Lazer, Rose Villela, presente no evento, destacou a importância de atividades como essas para as mulheres.

“É algo que ajuda muito, principalmente na autoestima dessas mulheres. E hoje estamos em mais de 20 bairros com diversas atividades: Caminhada Orientada, Aerobox, Capoeira, entre outras. Basta procurar a unidade mais próxima e aderir”, convidou Rose.

Informações sobre horários e atividades oferecidas podem ser obtidas pelo telefone: (24) 3326-4825.

MISS MELHOR IDADE
A Praça da Matriz também recebeu o Miss Melhor Idade, concurso que acontecia tradicionalmente no Centro do Idoso, que fica no Ano Bom, e que este ano passou a fazer parte da programação integrada entre as secretarias.

O gerente do Centro, Eduardo Pimentel, falou um pouco sobre o ganho que as participantes têm com esse dia especial e o concurso. “Criei o Miss Melhor Idade no ano passado e hoje ele já é uma referência no estado. A finalidade do concurso é para valorizar e aumentar a autoestima dessas mulheres. É mostrar que beleza não é só da juventude, mas que elas também podem ser bonitas. O idoso precisa se sentir bem, se sentir valorizado, às vezes nem sempre o que afeta ele é uma doença física, mas sim uma doença emocional. Hoje muitas delas me falaram: ‘Não estou me reconhecendo, estou muito bonita’, então nós queremos isso. E toda a produção: salão de beleza, maquiagem, os brindes que vamos dar as participantes, tudo é por conta da prefeitura”, comentou Pimentel.


Concurso, que acontecia tradicionalmente no Centro do Idoso, foi realizado na Praça da Matriz – Foto: Chico de Assis

Quem participou do desfile foi a moradora do bairro Piteiras e aluna das oficinas do Centro do Idoso, Tereza Queiroz do Nascimento, de 69 anos. Ela contou que quando não está em casa, está no Centro realizando sempre alguma atividade.

“Estou lá de segunda à sexta-feira, desde quando eu tinha 55 anos. Hoje estou com 69, então é só fazer as contas. Nesse tempo melhorei muito minha autoestima, minha disposição, e faço de tudo: bordado, capoeira, aula de fuxico. Eu adoro. Quando estou triste em casa, eu corro para lá que a tristeza desaparece”, revelou ela, toda carismática.

CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA ARTESÃOS
Aciap estará coletando inscrições de artesãos para os cursos gratuitos de capacitação profissional – Foto: Chico de Assis

Até sábado, dia 10, quando se encerram as atividades na praça, a Associação Comercial Industrial Agropastoril e Prestadora de Serviço (Aciap) estará coletando inscrições de artesãos para os cursos gratuitos de capacitação profissional junto ao Sebrae que será realizado de março a julho. O curso iniciará no dia 14 de março com uma palestra de sensibilização, no qual os artesãos poderão conhecer todo o projeto. As aulas ocorrerão na sede da Aciap, que fica na Avenida Domingos Mariano, Nº 196, no Centro.