Bloco das Piranhas anima a segunda-feira de carnaval em Resende

0

RESENDE

A programação do Carnaval de Resende tem espaço pra irreverência e diversão com o tradicional Bloco das Piranhas, que toma as ruas do Manejo e Jardim Jalisco anualmente, na segunda-feira de folia. Nesta tarde chuvosa centenas de foliões transvestidos de homem e mulher brincam o Carnaval na Avenida Rita Maria Ferreira da Rocha, no Jardim Jalisco, ao lado do centro administrativo da prefeitura. Com forte esquema de segurança com a Polícia Militar e segurança reforçada a festa deve seguir até o início da noite, pois além do tradicional som mecânico do bloco a programação conta ainda com o show do Baile da Mari.

As entradas do local da festa contam com seguranças vistoriando os foliões e todo material que levam em bolsas, seja bebida ou alimento. É vedado, por exemplo, objetos de vidro no ambiente da festa durante o Bloco das Piranhas, como garrafas ou copos. O evento com apoio da Prefeitura de Resende conta com palco e estrutura de som, barracas e banheiros químicos para os foliões. A concentração teve início por volta das 14 horas, na Praça Elcy Tavares, diante do Colégio Estadual Oliveira Botelho, na Rua do Rosário, no Manejo. Do local eles seguiram com animação de um carro de som até a Avenida Beira Rio.

Os seguranças do evento fiscalizam a entrada dos foliões no Bloco das Piranhas – Foto: Idelfonso Pinheiro

No Bloco das Piranhas, os homens se vestem de mulher e as mulheres de homem, garantindo a zoeira com vários ‘marmanjos’ vestindo saias de tule e mini-blusas, enquanto as moças vestem bermudas largas e bonés. O clima de humor e irreverência toma conta da família Oliveira, que não perde a festa todos os anos. Pais e filhos vão pra avenida dançar e curtir o Carnaval. “Todo ano nós pegamos roupas uns dos outros e saímos no bloco. Este ano decidi ser a fada madrinha e minha irmã criou um visual de rapper, com minhas roupas e cordões. Acho que o Bloco das Piranhas é a única atração que sobrevive ao passar dos anos no Carnaval de Resende”, conta o industriário Paulo Roberto Oliveira, 29.

A chuva não desanimou os foliões durante o evento na segunda-feira de Carnaval – Foto: Divulgação

Em meio aos foliões de ‘sexo trocado’ nesta tarde, as meninas garantem que nada impede a ‘pegação’. “É sexy e engraçado ver um homem com roupa de mulher, na minha opinião. Tem muito menino bonito e não é uma roupa que vai me impedir de dar uns beijos. Se o cara for legal e não estiver bêbado, já é um bom início. É Carnaval e quero aproveitar mais um Bloco das Piranhas”, disse a estudante Ana Cláudia da Cunha, 21. A fama da folia trouxe visitantes de cidades vizinhas como Volta Redonda e Itatiaia. As amigas Suellen e Maiara decidiram curtir o bloco abrindo a programação da segunda-feira. “É o penúltimo dia de festa e não sei de mais nada tão animado numa segunda-feira de Carnaval na região quanto o Bloco das Piranhas, em Resende. Reunimos o grupo de seis meninas e viemos, cada uma do seu jeito, estilo. Eu gosto de usar fantasia e adereços, as amigas nem tanto, ficam mais na maquiagem. A chuva tá chata, mas tenho esperança de encontrar alguém ‘pra chamar de meu’ nessa tarde”, comentou a vendedora Suellen, 35, de Volta Redonda.

A festa registrou alta concentração de foliões, mesmo numa tarde chuvosa em Resende – Foto: Idelfonso Pinheiro

MACHISMO? QUE NADA!

O Bloco das Piranhas é o momento de realização de muitos foliões que chegam até a brigar com familiares para usar roupas femininas. Carlos Augusto Zampiere, 31, convenceu a irmã a emprestar a saia que, segundo ele, valoriza suas pernas. “É a hora de virar menina (risos), brincar com a rapaziada! Eu venho todo ano bem bagaceira mesmo. Só não consigo usar salto alto porque dói os pés e até porque nem minha mãe ou irmã calçam 43 igual a mim. O que vale é a brincadeira, a zoeira com a rapaziada e também azarar as meninas”, conta o motorista de aplicativo.

A Avenida Beira Rio ficou lotada com o tradicional Bloco das Piranhas – Foto: Divulgação

Com uma roupa que remete à personagem Elza, do desenho animado Frozen, Flávio Matheus, 29, disse que vai fazer nevar no Carnaval da cidade. “É o meu momento de princesa do gelo, você não gostou?”, Brincou o folião que logo foi contido pela namorada, Isadora, 22. O Bloco das Piranhas também atrai homens da terceira idade, que por sua vez mantém a extravagância nas roupas. “Queria vir de Dilma por causa da minha barriga, mas lembrei da Jojô Todinho e coloquei os peitos à mostra. A chuva é ruim, mas na terceira cerveja ou energético tudo se resolve, sambando, dançando. Meus filhos e netos me incentivam, alguns vieram junto e estão espalhados pelo bloco”, comenta o pedreiro Eriberto Gonçalves, 52.

O Bloco das Piranhas atrai foliões de todas as idades no Carnaval de Resende – Foto: Idelfonso Pinheiro

PROGRAMAÇÃO

O Carnaval de Resende segue com programação nesta segunda-feira, 24, com a sequência do Bloco das Piranhas e show do Baile da Mari, na Avenida Beira Rio até por volta das 21 horas. Já em Engenheiro Passos, a noite terá show da banda Nosso Lema, à 22h30min, na Praça São Benedito. E, na Vila da Fumaça, na praça central, acontecerá entre 19 e 22 horas o ‘Bailinho de Carnaval’.

O Baile da Mari animou os foliões no Bloco das Piranhas – Foto: Divulgação

Na terça-feira, dia 25, último dia de Carnaval, a programação em Resende terá Matinê na Praça da Matriz, na Praça Oliveira Botelho, no Centro, das 15 às 20 horas; Carnaval em Engenheiro Passos, na Praça São Benedito, às 22h30min com o Grupo Comprazer e na Vila da Fumaça, a última edição do Bailinho de Carnaval, entre 19 e 22 horas, na praça.

A folia em Resende termina no próximo sábado, dia 29, com o desfile do Bloco ‘Que Horas Passa o Vicentina’, coordenado pelo jornalista e radialista Mauro Campos, o ‘Chocolate’. A concentração será às 14 horas, na Praça da Bandeira, em Campos Elíseos.

error: Conteúdo protegido !