Tenente do 28º BPM sob suspeita de envolvimento com traficantes é transferida de Volta Redonda e afastada das funções

3

Estão sob investigação por possível envolvimento com traficantes de drogas e contraventores do jogo do bicho de Volta Redonda, a tenente PM do 28º Batalhão da Polícia Militar (BPM), Suellen Bazoni Seródio, de 37 anos, e outros policiais, não identificados, da mesma unidade. A informação é de que eles não foram expulsos da corporação, mas transferidos de unidade e afastados de suas funções até que o caso seja apurado.
A informação é de que o comando do 28º Batalhão da Polícia Militar (BPM), em Volta Redonda, afastou os agentes de suas funções até que o caso seja apurado. O afastamento ocorreu depois que o Setor de Inteligência do BPM detectou indícios sobre o possível envolvimento dos agentes com traficantes.
Segundo a Polícia Militar foi instaurado um inquérito para apurar o caso e a tenente apontada como principal envolvida, não está presa. Ela foi apenas afastada das atividades no 28º BPM, juntamente com outros oficiais suspeitos.
SUSPEITAS À TONA
As suspeitas vieram à tona depois que mensagens do aplicativo do Whatsapp da tenente, trocadas com homens envolvidos com o tráfico de drogas no bairro Eucaliptal e policiais, vazaram. Conforme as mensagens flagradas, a policial teria contato com os criminosos sobre ações realizadas na localidade em troca de propina. Nas mensagens ela exigia dinheiro do crime para pagamento de aluguel e outras contas.
A tenente Bazoni chegou a ocupar no ano passado, por um período, a 2ª Cia. do 28º Batalhão de Polícia Militar (BPM), em Barra Mansa, depois foi transferida para Volta Redonda. Ela já havia atuado em outras unidades do Estado, como no 22º BPM de Bonsucesso, 39º BPM de Belford Roxo e 40º BPM de Campo Grande.

3 Comentários

  1. 28bpm tudo envolvido em extorsão, trafico entre outros crimes, que vergonha! E a coronel não sabia? Fala sério né! Mais mesmo assim o jogo do bicho continua na vila santa cecilia em varios pontos e ninguém toma providência nenhuma, já denunciei varias e varias vezes e ninguém faz nada, nem pm nem guarda municipal.

  2. Colocaram as mulheres na polícia e elas se tornaram tão nojentas quantos os homens.
    Xingam, torturam, roubam, matam, extorquem entre outras práticas sórdidas.

    Há os que dizem, mas vocês precisam da polícia! Tá com pena de bandido?

    Primeiro: esses porcos não são policiais, são vagabundos travestidos de polícia.

    Segundo: é justamente por esse motivo, que precisamos de polícia – polícia de verdade, constituída por homens e mulheres honrados, pais e mães de família, trabalhadores e respeitadores dos cidadãos de bem.

    Terceiro: vagabundo, ou, vagabundo-fardado, tem que morrer mesmo.

    Uma outra questão surge.
    Esses ou essas excomungadas estão destruindo o Brasil, porque os esquerdopatas usam esses exemplos para criar no cidadão de bem – e com muita razão – uma aversão completa à polícia.

    Nós não queremos que esses porcos(as) sejam transferidos(as), queremos todos expulsos da pm e que sejam devidamente processados pelo crime que cometeram.

    Os pagadores de impostos exigem!

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !