Resende é destaque em atendimento e estrutura de saúde básica

0

RESENDE

O Programa Estadual de Financiamento da Atenção Primária à Saúde (Prefaps), desenvolvido pelo Governo do Estado, avaliou o atendimento prestado à população das cidades nos serviços de Atenção Primária à Saúde. O estudo dividiu a saúde básica em indicadores e apontou que apenas cinco municípios atingiram o m ais alto patamar de metas cumpridas.

O município está entre as cinco cidades que se destacaram. “Temos de parabenizar toda a equipe da saúde, que se esforça diariamente para levar o melhor para nossa população. O governo tem se esforçado muito para melhorar as condições de trabalho, temos feitos obras importantes e é bom ver que esse esforço tem resultado em avanços no atendimento para quem mais precisa”, disse o prefeito Diogo Balieiro. Em um ciclo virtuoso, o resultado torna Resende apta a receber mais recursos para novos investimentos na área de atenção básica da saúde.

O Prefaps funciona a partir de três componentes, sendo que o primeiro deles define o valor que está disponível para os municípios investirem em saúde básica, o chamado ‘Componente Sustentabilidade’. O segundo componente é o ‘Expansão’, que analisa quais cidades conseguiram criar novas equipes de campo. O terceiro é o ‘Componente Desempenho’, que faz a avaliação propriamente dita das metas estipuladas para definir a qualidade do serviço oferecido nas cidades. Quanto mais metas alcançadas no Componente Desempenho, mais recursos a cidade vai obter a partir do Componente Sustentabilidade.

As cidades melhores avaliadas, como Resende, cumpriram oito das nove metas estipuladas e, segundo avaliação do Prefaps, fizeram jus a 100% do valor recebido do Componente Sustentabilidade até agora. Como prêmio, receberão o mesmo valor que foi repassado nas parcelas anteriores. Ou seja, elas receberam um valor cheio e gastaram tudo com eficiência. Com isso, receberão nova parcela no mesmo valor cheio. Quem cumpriu menos metas, por exemplo, receberá apenas 50% do valor inicialmente estipulado. Simplificando, uma cidade que ganhou R$ 100 mil e teve 100% de eficiência ganhará novamente R$ 100 mil. Por outro lado, se essa cidade não atingiu o mínimo de oito metas, ficará com R$ 50 mil no próximo repasse.

PREFAPS

De acordo com o governo estadual, o PREFAPS é a atual estratégia para regular o financiamento da Atenção Primária à Saúde (APS) no estado do Rio de Janeiro. O projeto tem como objetivo apoiar a Estratégia Saúde da Família (ESF) dos municípios, a partir da manutenção e expansão das equipes de Saúde da Família (eSF) e de Saúde Bucal (eSB), bem como fomentar a qualidade e o alcance de metas estipuladas.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !