Resende discutirá a reabertura do comércio em reunião no dia 31

2

RESENDE

A Câmara dos Dirigentes Lojistas de Itatiaia e Resende (CDL Itatiaia Resende) e o Sindicato do Comércio Varejista de Resende e Itatiaia (Sicomércio) divulgaram na tarde desta sexta-feira, dia 27, um segundo comunicado conjunto. Enquanto o primeiro anunciava uma reunião com os representantes do governo municipal para tratar sobre as medidas de prevenção contra o coronavírus (Covid-19) e uma possível ação de reabertura do comércio, desta vez o informe destaca que a decisão será no dia 31.

De acordo com o documento assinado pelo presidente da CDL, Victor Gonçalves, e o presidente do Sicomércio, Alberto Halpern, a reunião com o prefeito Diogo Balieiro e sua equipe, tratando sobre a situação da pandemia no município, terminou com a promessa deu uma nova avaliação epidemiológica para embasar possível decisão para as lojas voltarem a funcionar. As entidades frisaram, com base em dados do setor de saúde do município, que até o momento não existe registro de casos de infecção pelo Covid-19 em Resende. O caso ocorrido na cidade, embora diagnosticado no município, trata-se de morador da cidade do Rio de Janeiro.

Porém, alertaram que há risco de pessoas mesmo isoladas em casa estarem infectadas pelo vírus. “Existe a possibilidade de que haja pessoas infectadas, em isolamento social, que ainda não apresentaram sintomas da doença. Por este motivo será realizado um novo estudo epidemiológico no município para aferir os riscos relativos à contaminação e na próxima terça feira, dia 31 de março, será realizada uma nova reunião e uma vez que haja o entendimento de que a situação está sob controle, será avaliado o retorno gradativo das atividades econômicas do município, mantendo-se as restrições necessárias ao controle da epidemia”, informam as entidades.

Segundo o comunicado, a Prefeitura de Resende também estuda o diferimento de tributos, IPTU e ISS, conforme solicitação feita anteriormente pelas entidades. “Ratificamos nossa preocupação com a saúde de nossos empresários e de nossa população. Sendo assim, solicitamos que mantenham os cuidados com a prevenção e aguardem novas informações”, finalizam CDL e Sicomércio.

Em sua rede social, o prefeito Diogo Balieiro comentou as medidas adotadas na cidade, ele orientou a população a seguir em casa. “Resende está seguindo os protocolos do Ministério da Saúde e acredito que nos próximos dias, diante de um cenário epidemiológico mais concreto, mais definido, vão poder ser avaliadas as revisões, com segurança, de algumas medidas relacionadas à atividade econômica na cidade! Nossa prioridade é proteger a vida e a saúde de cada cidadão que aqui reside e garantir o bem estar de todas as famílias de Resende. Aproveito para agradecer aos resendenses pela compreensão. Esse desafio não é só de uma cidade, é um desafio de todo o mundo! Juntos, seguindo todas as orientações, vamos conseguir superar tudo isso! Neste momento, o mais seguro continua sendo ficar em casa”, afirma.

COMÉRCIO FECHADO

Em virtude do decreto municipal, as lojas da cidade estão fechadas desde o dia 21. Foi determinado o fechamento, por 15 dias, também de templos religiosos, lojas de conveniência e do Mercado Popular, no Centro. A exceção do comércio foram restaurantes, postos de gasolina, farmácias, clínicas médicas, empresas de alimentação, supermercados e aqueles que operam no sistema de delivery.

Nesta sexta-feira, ocorreu uma carreata onde os participantes pediam medidas do governo municipal para retomar as atividades no comércio. Empresários e funcionários do setor entendem a necessidade do isolamento social, mas temem falência e demissões.

 

2 Comentários

  1. NOS CHAMAM DE HERÓIS ESSES HIPÓCRITAS, BANDIDOS DE TOGA & POLÍTICOS LADRÕES !!!

    …DE QUE ADIANTA O ESFORÇO DA QUARENTENA NO COMERCIO E O ISOLAMENTO DOMICILIAR SE O PEDÁGIO MAIOR PROPAGADOR DE CORONAVÍRUS CONTINUA FUNCIONANDO – Dinheiro circulando de mão em mão de um estado pra outro, sem fronteiras

  2. Diante a este decreto quero ver ser vc prefeito vai fazer o pagamento da população de Resende que precisa trabalhar para colocar comida dentro de casa para os filhos quero ver ser vc vai garantir isto e os empregos da pessoas dessa cidade,e Fazio fala fique em casa com dinheiro no bolso mais para que não tem está economia e difícil pois crianças não espera para almoçar e nem jantar pois nois pais de família necessita a trabalhar!!!