Jovem é baleado após trocar tiros com a polícia no bairro Mirandópolis, em Quatis

0

QUATIS

Um jovem, de 20 anos, foi baleado na noite de segunda-feira, dia 22, no bairro Mirandópolis. Ele estava acompanhado de um homem, de 35 anos, que trocou tiros com policiais do 37º Batalhão de Polícia Militar (BPM) durante uma abordagem. O homem conseguiu fugir. Na ação, os militares arrecadaram um revólver calibre 38, quatro munições intactas, dois tabletes pequenos de maconha, a quantia em dinheiro de R$1.500 e um celular. O jovem foi atingido com um tiro no ombro. Seu estado de saúde é estável.

Por volta das 19h10min, o Grupo de Ações Táticas (GAT III) fazia patrulhamento no bairro Mirandópolis. Ao passarem pela Rua Capitão Antônio Lobo, os policiais avistaram um Ford Belina de cor verde escuro em atitude suspeita. “Abordamos o veículo. O motorista desembarcou. Já outros dois ocupantes não saíram do carro alegando que a porta estava travada. Após abrirem a porta, o jovem que estava do outro lado do veículo, segurava em uma das mãos uma arma de fogo e fez gestos dando a entender que ia atirar contra a equipe. Fizemos um disparo, e o jovem correu dando a entender que ainda estava armado. Foi feito outro disparo que acertou o suspeito. Neste momento, o outro homem correu em sentido contrário efetuando disparos contra guarnição. No intuito de cessar a injusta agressão, foram feitos novos tiros. No entanto, o suspeito conseguiu fugir. Ele entrou no veículo e fugiu para local ignorado”, contaram os policiais que encontraram os tabletes de maconha e a arma de fogo no chão. “O dinheiro apreendido estava com o jovem”, complementaram.

Próximo ao jovem foi encontrado um revólver calibre 38, maconha-Redes Sociais

O jovem foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado para o hospital São Lucas. Ele foi baleado em um dos ombros. Após os primeiros atendimentos, o suspeito foi transferido para a Santa Casa de Misericórdia de Barra Mansa, onde passou por cirurgia e seu estado de saúde é estável.

Os policiais após acompanharem o jovem até a unidade hospitalar, seguiram para a 100ª Delegacia de Polícia (DP) em Porto Real. O delegado Marcelo Haddad autuou o jovem por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo, permanecendo preso sob custodia na Santa Casa de Barra Mansa. Já o outro homem, que já foi identificado e está foragido foi autuado por tentativa de homicídio. Enquanto que o motorista do veículo foi arrolado como testemunha, prestou depoimento e foi liberado.

Os tabletes de maconha foram periciados e pesavam 16,7 gramas. A pistola utilizada pelo por um dos militares ficou apreendida juntamente com carregador e mais cinco munições calibre 40 intactas que restaram.

error: Conteúdo protegido !