Green eletron assina termo com Rotary Club-VR para ações de logística reversa de eletroeletrônicos

0

VOLTA REDONDA

A Green Eletron assinou, recentemente, um Termo de Cooperação com o Rotary Club-VR, Distrito 4571. A parceria tem como principal objetivo estabelecer cooperação técnica entre a gestora e o Rotary para intercâmbio de informações voltadas à análise quanto à viabilidade técnica para implementação da logística reversa para eletroeletrônicos e pilhas. Ambas em final de vida útil nas cidades abrangidas pelo distrito, que contempla 75 municípios presentes nos estados do Rio de Janeiro e São Paulo.

Segundo informou o autor do projeto Descarte Solidário de Resíduos Eletroeletrônicos de Volta Redonda, Anderson Ferreira de Oliveira, o projeto que começou em Volta Redonda, ganha reconhecimento dos fabricantes. Por isso, de acordo com ele, o acordo de cooperação assinado em São Paulo.

SERIEDADE DO RECONHECIDO TRABALHO DO ROTARY

O presidente da Green Eletron, Humberto Barbato, destacou a seriedade do reconhecido trabalho do Rotary. De acordo com ele, o acordo com o Distrito 4571 pode ser um primeiro passo para uma parceria com outros distritos da entidade. Na ocasião da assinatura Barbato disse  ainda  que a Green Eletron, criada pela Abinee, conta atual,ente com 93 associadas de eletroeletrônicos e pilhas. Estão disponíveis hoje 620 coletores de eletroeletrônicos e 6.400 de pilhas em todo o Brasil. “Em cinco de atividade, já coletamos mais de 500 toneladas de eletrônicos e 1,8 mil toneladas de pilhas. Esse ano, temos o grande desafio em eletrônicos de coletar 500 toneladas”, informou.

Já o gerente executivo da Green Eletron, Ademir Brescansin, fez questão de lembrar que as conversas com o Rotary se iniciaram há cerca de três anos com o presidente da Comissão de Meio Ambiente do Rotary Club Volta Redonda, Anderson Ferreira de Oliveira. “Este acordo consolida essa interação e pode trazer bons frutos para as ações de logística reversa”, frisou Brescansin.

SUSTENTABILIDADE E MEIO AMBIENTE

Os representantes do Rotary, que participaram da reunião de forma presencial e virtual, destacaram que a sustentabilidade e meio ambiente passaram a ser uma área de enfoque prioritária da entidade, tendo como base os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, e a parceria com a Green Eletron contribuirá para o aprofundamento das ações. Também foi destacado que o acordo pode ser um primeiro passo para que outros distritos rotarianos possam aderir à iniciativa. Hoje, existem mais de 2400 unidades do Rotary no País, abrangendo um total de 53 mil rotarianos. Durante a assinatura de convênio foi concedida ao presidente da Green Eletron, Humberto Barbato, a honraria de associado corporativo do Rotary.