BNDES Garagem incentiva startup do Sul Fluminense

0

SUL FLUMINENSE

Criada por um grupo de empreendedores a Previsiown, plataforma em nuvem com foco no suporte ao desenvolvimento de veículos automotores, foi selecionada para participar do Programa de Aceleração de Startups BNDES Garagem, na categoria Criação. Com a proposta de desenvolver e fomentar o empreendedorismo no Brasil, o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) criou o BNDES Garagem, uma iniciativa de apoio às startups brasileiras, que inclui a realização do Programa BNDES Garagem de Desenvolvimento de Startups e a estruturação de um Centro de Inovação no Rio de Janeiro. Compostos por workshops presenciais, conteúdo, acompanhamento no dia a dia, acesso à rede de mentores e parceiros, o BNDES contribui para a geração de negócios.

A Previsiown foi criada pelo engenheiro Adolfo Oviedo, os analistas de sistemas Glauco Torres e Ivan Vianna, e o administrador Victor Gonçalves, que se conheceram durante o Programa LIDER na região do Médio Paraíba. Através da iniciativa do Serviço Brasileiro de Apoio às Micros e Pequenas Empresas (Sebrae Rio), os líderes têm a missão de pensar o desenvolvimento regional de forma sustentável, do ponto de vista econômico e social. Em 2018 houve o lançamento de ações previstas a serem criadas até 2030, nos eixos Turismo, Educação, Mobilidade e Tecnologia.

SETOR AUTOMOTIVO

A Previsiown tem o MVP (produto mínimo viável) funcional em teste junto a uma multinacional do setor automotivo da região e, este ano, terá seu projeto-piloto em teste em veículos no Brasil e no exterior. Segundo Ivan Vianna, a Previsiown pretende, através do uso de inteligência artificial, reduzir o número de recalls e o gasto no deslocamento da fábrica até a concessionária para solucionar problemas intermitentes em veículos, por meio de assistência remota. “O mercado que pretendemos atender no Brasil possui mais de 20 montadoras e centenas de concessionárias. Só na região Sul Fluminense, num raio de 280 quilômetros, está concentrada metade de toda produção automotiva do Brasil”, afirma.

A startup Previsiown utiliza os sensores presentes nos veículos sem alterar sua engenharia e transforma o carro em um dispositivo IoT (Internet of Things), além de construir uma base de dados para aplicação de machine learning suportando o desenvolvimento e a aceleração do lançamento desses veículos no mercado. A startup buscou no BNDES Garagem o suporte para o desenvolvimento do modelo de negócio e o apoio para abertura de mercado. Este ano, o programa teve mais de 5 mil propostas inscritas e 79 projetos selecionados. Com a proposta de ser um negócio inovador, a Previsiown vai trabalhar durante quatro meses em seu desenvolvimento para ganhar atrair potenciais investidores e clientes.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !