Associação Mulheres que Fazem busca apadrinhamento para bolsas de estudos para alunos carentes em Porto Real

0

PORTO REAL

Localizada no bairro São José a Associação Mulheres que Fazem, está em busca de apadrinhamento para aqueles alunos que não tem condições de pagar pelos cursos que são realizados no local.

De acordo com a presidente da Associação Sonja Holanda, a casa realiza cursos com preços acessíveis, mas alguns alunos não têm condições de pagar e precisam de apadrinhamento, atualmente, são 11 alunos nesta situação. “Os padrinhos são essenciais para esses alunos, muitos tem condições de pagar pelos cursos, que tem um valor acessível. Outro já não tem, e nós ofertamos bolsas a esses alunos e estamos precisando de pessoas para apadrinhar esses estudos. São jovens em busca de conhecimento e de renda familiar”, destaca, informando que quem quiser apadrinhar um aluno basta entrar em contato através do (24) 99839-8334.

No local são realizados diversos cursos de beleza como estética corporal, barbeiro, depilação, design de sobrancelhas, cabeleireiro, alongamento de unhas, manicure e pedicure, além de curso de libras, informática, maquiagem, desenho, macramê e secretariado.  Todos com certificado. Para os cursos que serão iniciados em junho, já existem 25 alunos matriculados.

A associação existe há 10 anos, antes se chamava Mulheres em Ação, o local não conta com apoio governamental e por isso a importância do apadrinhamento. No próximo dia 5 será realizado um grande bazar no local para arrecadar fundos para arcas com os gastos. AAssociação fica na Rua Rio de Janeiro, 746, São José. “Além dos cursos, a associação realiza atendimentos sociais de advogados, psicológicos, nutricional, realizamos também palestras, tudo em busca de melhorias para a comunidade”, conclui.