Volta Redonda registra em média 28 acidentes com motocicletas por mês

0

VOLTA REDONDA
Quando o cuidado e a prevenção não caminham juntas, nem sempre a mobilidade, agilidade e rapidez fazem combinação perfeita. Segundo dados oficiais, o Brasil registrou no ano passado um crescimento significativo no número de acidentes envolvendo motociclistas. Os dados apontam que oito a cada dez pessoas morreram de trânsito no Brasil em 2020. A maioria das vítimas, 70 %, jovens entre 18 a 34 anos. Isso é o que informa o site. https://www.portaldotransito.com.br/…/cresce-o-numero…/.
Diante do atual cenário, o Movimento Pela Ética na Política (MEP), preocupado com a vida das pessoas, pesquisou sobre os dados recentes e em seguida ouviu o comandante da Guarda Municipal de Volta Redonda, João Batista dos Reis, que se manifestou preocupação com os números. Ele aproveitou ainda e fez alerta. O comandante deu ênfase para o cumprimento das normas e cuidado com a vida. “Sabemos da importância e da agilidade proporcionada pelas motocicletas, porém é essencial que condutor esteja com os equipamentos de segurança de forma adequada, esteja habilitado, principalmente respeitando as leis de trânsito”, destacou o comandante.
Reis ressaltou ainda que, zelar pela própria vida e a do outro que compartilha mesma via é um ato de humanidade e respeito. Revelou que, em Volta Redonda, de janeiro a agosto de 2021, 229 acidentes envolvendo motociclistas foram registrados. “As motos passaram a ser eficientes instrumentos de trabalho, porém alerto, coloquem-se no lugar do outro. Manobras perigosas colocam a vida em risco”, disse, lembrando que a GMVR não pode ser indiferente e seguirá recomendado e fiscalizando para que as pessoas pilotem com segurança. “E assim buscando contribuir com a educação no trânsito e preservando vidas”, completou o comandante.
PSICÓLOGO ANALISA
O psicólogo, mestrando em educação e saúde (Fio Cruz), Diego Almeida, ligado ao MEP, analisou os dados. Disse que na precarização do trabalho, (Standing.Guy 2011), as pessoas foram lançadas à empregos sem condições de trabalho, sem vínculos trabalhistas e com a exigência de serem rápidos e eficientes, uma mistura catastrófica. Sendo assim o desespero por qualquer tipo de renda toma conta de mais de 14% da população. “Com aumento de alimentos, combustíveis e tudo que cerca a vida, essas pessoas estão sendo mais exigidas, obrigadas a fazerem mais entregas e trabalharem tempos a finco sem descanso. É inevitável que a cautela e o bem estar fique em segundo plano, pois estamos tratando do ganho para se alimentar”, explicou o psicólogo.
ACIDENTES COM MOTO EM VR EM 2021
Total de acidentes com moto – janeiro a agosto:229 Acidentes com vítimas com sequelas graves ou mortes:130 Horários de maior incidências de acidentes: – Manhã: 26 % – Tarde: 46 % – Noite: 28 % Média: 28 acidentes mês, sendo 76% com sequelas graves ou mortes.