Volta Redonda baixa idade de primeira dose e amplia público para terceira dose contra a Covid-19

0

VOLTA REDONDA
A Prefeitura de Volta Redonda, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), baixou a idade do público-alvo da primeira dose da vacinação contra a Covid-19. A partir desta quarta-feira, dia 15, adolescentes de 15 anos, sem comorbidades, começam a ser imunizados.
Nesta quarta-feira, dia 15, a vacinação está sendo direcionada em nove Unidades de Saúde dos bairros Siderlândia, Conforto, São Geraldo, Vila Rica/Tiradentes, Retiro II, Vila Mury, Santa Cruz, Volta Grande e Jardim Paraíba. O horário de atendimento é das 8 horas às 18h30min, com exceção das UBSFs Conforto, Retiro II e Jardim Paraíba que funcionarão até as 16 horas.
Também estão sendo vacinados com a primeira dose: adolescentes acima de 15 anos, sem comorbidades, gestantes, puérperas e lactantes acima de 12 anos, adolescentes de 12 a 14 anos, com comorbidades, e jovens acima de 18 anos em repescagem.
Todos devem apresentar um documento de identidade, comprovante de residência, CPF ou cartão do SUS. As pessoas com comorbidades precisam estar munidas também de um laudo médico que comprove a condição clínica.
TERCEIRA DOSE
Outra novidade é a ampliação do público para terceira dose. Pessoas com alto grau de imunossupressão (imunossuprimidos) estão inclusas no cronograma de terceiras doses por determinação do Ministério da Saúde, além dos idosos acima de 70 anos.
O município deu início à aplicação da dose de reforço aos imunossuprimidos vacinados com a segunda dose até 18/08/2021. Idosos acima de 70 anos vacinados com a segunda dose até 20/03/2021 continuam recebendo a dose de reforço nas Unidades de Saúde.
GRUPO DE IMUNOSSUPRIMIDOS
Imunodeficiência primária grave, quimioterapia para câncer, transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras, pessoas vivendo com HIV/Aids, pacientes em hemodiálise, pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas reumatológicas, auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias, uso de drogas modificadas da resposta imune e uso de corticóides em doses 20mg/dia de prednisona, ou equivalente, por 14 dias.
SEGUNDA DOSE
As segundas doses das vacinas AstraZeneca (Oxford) e Pfizer/BioNTech estão sendo direcionadas para vacinados com a primeira dose até 25/06/2021 e a segunda dose da CoronaVac para pessoas vacinadas com a primeira dose até 19/08/2021.
O município oferta a intercambialidade de vacinas em caso de falta do imunizante AstraZeneca disponibilizando a segunda dose da Pfizer para as pessoas que iniciaram a imunização com AstraZeneca.