Você só precisa de R$ 30 para começar

0

 

Ter pouco dinheiro nunca foi uma desculpa eficiente para quem deixa de aplicar, ao contrário do que muita gente pensa, investir não é coisa de quem já tem uma fortuna, é pra quem quer construir a sua. Eu sei que muita gente tem dificuldade de achar boas opções se o montante não for muito alto, mas hoje quero falar do investimento mais democrático de todos, o Tesouro Direto. Ele é muito acessível, e a rentabilidade segue a mesma política, pra quem já tem uma boa reserva, ou pra quem está dando o primeiro passo da sua maratona.

O Tesouro Direto é onde podemos comprar os títulos públicos, que são empréstimos que você faz ao governo para financiar seus projetos. Eles são investimentos seguros, com ótimo risco de crédito. A economia no Brasil avançou muito nos últimos 30 anos o que torna a chance de tomar um calote muito pequena. O valor mínimo é de 1% das cotas disponíveis, com limite mínimo de R$ 30.

Para dar início a sua carreira bem-sucedida de investidor, é preciso escolher uma corretora que vai custodiar seus títulos. Quase todas as corretoras não cobram nada para intermediar sua compra, a única coisa que não tem como escapar é a taxa que a BM&FBovespa cobra pela custódia dos títulos na Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia (CBLC), de 0,3% ao ano. Depois de se cadastrar na corretora, baixe o aplicativo do Tesouro Direto, e já pode comprar.

São várias opções de títulos disponíveis, hoje vamos falar de duas que mais são eficientes no início da construção da reserva. Se você acredita que vai usar o dinheiro em um prazo menor do que dois anos, ou se está compondo a reserva de emergência que deve ter seis meses de renda como já falamos aqui, escolha o Tesouro SELIC (LFT). A rentabilidade deste título acompanha a taxa de juros, por isso não oferece risco do preço do título estar abaixo do mercado, e você pode vender quando quiser. Mas se está investindo para um prazo maior que dois anos, pode optar pelo Tesouro IPCA (NTN-B). Sua rentabilidade é composta por um cupom pré-fixado somado a variação do IPCA, que é um termômetro da nossa inflação. O poder de compra da sua fortuna em construção é garantido com a variação do índice, e ainda se ganha um crescimento real sobre o seu montante. Se por algum motivo você quiser vender seu título antes do vencimento, em determinadas condições de mercado é possível que se tenha prejuízo, então destine para este investimento o que não fez planos para usar.

Com o valor mínimo de R$ 30,00 fica difícil arrumar mais desculpas. Comece com pouco, mas não deixe de começar. O hábito de gastar menos que se ganha, com o tempo se torna exponencial, e se chega a resultados surpreendentes.

 

error: Conteúdo protegido !