Vereador mais votado em Volta Redonda nas eleições de 2016 quer ‘brigar’ por uma cadeira na Alerj  

0

Entre os diversos pré-candidatos de Volta Redonda que pretendem disputar uma vaga na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), nas eleições deste ano, estão vereador mais votado nas eleições de 2016. Jari Simão de Oliveira Júnior, de 45 anos, que atualmente está PSB, iniciou na política em 2013 como vereador e agora já cumpre o segundo mandato sendo o vereador mais votado em 2016. Bacharel em Direito e formado no Centro Universitário de Barra Mansa (UBM), o parlamentar é casado e tem dois filhos.

Jari contou que é a primeira vez que vai tentar uma eleição para deputado estadual. Em relação aos principais projetos em prol da população, caso seja eleito, Jarí disse que, primeiramente, não traiu a confiança a ser depositada pela população nas eleições, exercendo o mandato da mesma forma que vem atuando na Câmara de Vereadores. “Ombro a ombro com a população, com transparência, respeitando e fiscalizando o dinheiro público. Caso seja eleito, nosso mandato será um instrumento dos interesses da população, especialmente da nossa região, na formatação de políticas públicas e acompanhando de perto as suas implementações”, destacou o pré-candidato.

PRIORIDADE

Sobre a prioridade, enquanto deputado estadual, Jarí disse que será a participação popular no exercício de seu mandato. Para ele, com certeza sua experiência como vereador vai, em muito, ajudar no exercício do mandato de deputado estadual. “Da mesma forma, o fato de ter sido assessor do então vereador Paiva, muito nos ajudou na nossa atuação como vereador, levando-nos a reeleição como o mais votado de Volta Redonda”, lembrou Jari, destacando como vê a política atual em Volta Redonda. Para ele, Volta Redonda tem uma população muito politizada e vem reagindo a altura no tocante das mazelas políticas no cenário nacional, seja nas ruas, seja nas redes sociais.

Para o pré-candidato, a eleição deste ano, com certeza vai ser muito difícil para os diversos candidatos da cidade, mas Volta Redonda tem um histórico de eleger representantes do município, seja para deputado estadual ou federal. “Nosso perfil está fora dos candidatos que já tiveram oportunidades de exercer mandatos de deputados, o que nos possibilita apresentarmos como novidade na disputa para deputado estadual, porém como já fui testado no exercício de cargo legislativo e reeleito como o mais votado da cidade. Tivemos o reconhecimento da população como bom legislador”, frisou.

GRANDE NÚMERO DE CANDIDATOS

Indagado pelo A VOZ DA CIDADE sobre o grande número de candidatos na cidade, Jari explicou que como já havia manifestado anteriormente, Volta Redonda sempre lança muitos candidatos, mas sempre consegue eleger seus representantes. Seja na Alerj, seja na Câmara Federal.

Em relação se religião e política combinam, o parlamentar garantiu que sim e que o objetivo comum de desejar o bem estar da população já demonstra a assertiva de sua afirmativa. Garantiu que seu compromisso maior no exercício de mandatos políticos é a busca permanente na defesa da vida. Vida plena, com qualidade, com acesso aos requisitos básicos da necessidade humana. Ressaltou que o Estado é laico, mas o seu exercício no mandato busca sempre a doutrina cristã.

Para Jarí, a cada eleição, a população demonstra aos políticos que está mais bem informada. E nesta eleição acredita que, desta vez, vai ficar muito mais evidenciada a manifestação do eleitor. “Nossa pré-candidatura pretende, se eleito, ser um instrumento dos interesses legítimos da população de Volta Redonda e Região Sul Fluminense no exercício do mandato de deputado estadual. Desta forma, tal como o nosso mandato de vereador, na Alerj exerceremos o mandato com a participação popular”, finalizou.