Vereador é autor de diversas indicações voltadas para o distrito de Engenheiro Passos

0

RESENDE

Indicações voltadas para o cemitério do distrito de Engenheiro Passos e arredores. Esses foram os teores de pedidos aprovados recentemente pela câmara. De autoria do presidente da Casa, o vereador Reginaldo Engenheiro Passos (Podemos), os pedidos visam tornar a despedida de entes queridos mais segura e confortável no distrito.

Em um dos pedidos, Reginaldo pede um estudo de viabilidade para a construção de uma sala para velórios próxima à capela mortuária. A ideia, segundo Reginaldo, é criar um local neutro que acolha e dê conforto a famílias de todas as religiões. “Entendemos a importância do rito de passagem e das homenagens feitas nos momentos de luto; por isso solicitamos ao governo municipal que crie um espaço adequado para essas ocasiões”, comenta o vereador.

Ele também pediu a construção de um portal no Cemitério Municipal do Distrito de Engenheiro Passos, por meio de outra indicação. O intuito, segundo ele, é transformar o lugar em referência e facilitar sua identificação. Reginaldo propõe, ainda, que seja colocada no portal a data de fundação do cemitério e o nome do distrito. “É uma forma de valorizarmos e difundirmos a história e a cultura de Engenheiro Passos”, disse.

O vereador solicitou ainda a instalação de iluminação pública na Rua das Esmeraldas, próxima ao cemitério. De acordo com ele, a falta de iluminação em alguns trechos da Vila Aramagi é notória. “A Rua das Esmeraldas, na altura do nº23, é um bom exemplo de lugar que fica na escuridão, deixando os moradores inseguros e com medo de sair à noite”, apontou, lembrando que uma das principais reclamações dos moradores do distrito é a precariedade do serviço, embora haja cobrança de taxa de iluminação pública.

Os pedidos foram encaminhados ao prefeito Diogo Balieiro Diniz (União Brasil) para análise.