Veículo com registro de furto mediante fraude é recuperado na Via Dutra

0

BARRA MANSA

Na tarde deste sábado, dia 4, equipe de reforço da 7ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal (DEL PRF) durante a Operação ‘Rodovida’, no km 287 da Dutra, em Barra Mansa, abordou um veículo Chevrolet/Cobalt 1.8 LTZ, ano 2019, cor cinza, com placa de Sorocaba/SP. Ao efetuar consulta da placa no sistema foi constatado haver registro de furto para o referido veículo.

Durante a fiscalização foi verificado que a proprietária do veículo, constante do CRLV, estava no veículo e era esposa do condutor. No veículo além do casal estavam o mais dois ocupantes e ainda, uma criança de colo, filha do casal. Foi perguntado ao casal se havia feito algum registro de furto para o veículo, o casal respondeu que não.

Diante da situação inusitada, os agentes da PRF fizeram contato com o declarante da ocorrência de furto, que é uma terceira pessoa, e este se identificou como despachante da empresa Localiza, informando que o veículo em questão realmente é da empresa de locação, e foi lavrado Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia de Guarulhos (SP) de furto mediante fraude. Fato ocorrido em 01/07/2019, quando o indivíduo que havia alugado o veículo não o devolveu no prazo estipulado. O gerente disse que a empresa tentou por todos os meios e contatos possíveis para que o locatário devolvesse o veículo, como isso não ocorreu, em 20/12/2019, o Departamento Jurídico da empresa efetuou o registro de furto mediante fraude. Devido ao lapso de tempo entre a ocorrência do fato e o registro do mesmo, o homem conseguiu negociar o carro, sendo até transferido para a mulher que constava como proprietária do mesmo.

Questionado, o casal alegou que adquiriu o veículo de uma agência de veículos na cidade onde moram. Desta forma, o casal foi detido e enquadrado em receptação culposa, quando não há a intenção de cometer o crime, sendo ouvido e liberado. Já o veículo foi apreendido e lavrado o termo de recuperação para posteriormente ser devolvido à empresa que é a real proprietária.

O caso foi encaminhado para 90ª Delegacia de Polícia de Barra Mansa onde o caso foi registrado.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !