Trio é detido com fuzil após colidir em carro de família na Rio-Santos

0

ANGRA DOS REIS

Por volta das 23 horas de domingo, dia 28, três homens foram detidos na Rodovia Rio-Santos após causar um acidente. Eles estavam portando um fuzil e tentavam fugir dos agentes do 33° Batalhão da Polícia Militar (BPM). Além deles, dois homens (pai e filho) que estavam no outro automóvel ficaram feridos.

Segundo registro da 166ª Delegacia de Polícia (DP), os militares em patrulhamento pela BR-101, por meio da 2ª Cia., próximo ao trevo de entrada, no Sapinhatuba, observaram um veículo Pálio preto, placa KQB-4541, onde foi possível avistar três elementos em atitude suspeita. A equipe ordenou parada, porém, o condutor do carro partiu em disparada, só parando ao colidir em um veículo Prisma, que fazia o retorno na rotatória. Após o acidente, a guarnição se dividiu e parte dos militares abordaram o trio e a outra parte, socorreu as vítimas do veículo da família.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada e ajudou no resgate do pai e filho, os encaminhando para o Hospital Geral da Japuiba (HGJ). A unidade médica não informou o estado de saúde deles.

Já o trio, que além do fuzil G3, estava com cinco munições calibre 762, também foi encaminhado para a unidade médica. Após atendimento, eles foram encaminhados para a sede da 166ª DP, onde permaneceram todos presos por porte ilegal de arma de fogo.

Segundo a Polícia Militar, eles já eram conhecidos pela equipe por envolvimento com o tráfico de drogas e são nomes de contexto no Terceiro Comando Puro (TCP) da região.

CRIANÇA MORRE EM ACIDENTE

Acidente aconteceu na noite de sábado; seis pessoas estavam no carro – Divulgação

Já na noite de sábado, dia 27, um acidente também na Rio-Santos terminou com a morte de uma criança, de apenas quatro anos. Outras cinco pessoas, sendo delas outras duas crianças, de seis e 12 anos, se feriram na ocasião, quando o carro onde eles estavam colidiu na mureta que divide as pistas.

Todos foram encaminhados para o Hospital Geral da Japuiba, mas a criança de quatro anos não resistiu. As outras duas receberam alta no mesmo dia e o homem e a mulher, que está grávida, seguem em estado estável.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !