Temporal atinge residência de casal de idosos em Volta Redonda que perdeu tudo

0

Desde a noite do último dia 4, os idosos Maria da Gloria Terra, de 60 anos, e Geraldo Meira da Silva, de 66, residentes na Viela 9,174, na Rua da Pedreira, no bairro Mariana Torres, em Volta Redonda, estão abrigados em casa de vizinhos. Tudo isso pelo fato de terem perdido roupas, móveis e muito mais durante o temporal que atingiu a cidade. Com a chuva forte, um barranco desabou atrás da casa, o que causou tantos danos.

Mobilizados com o que ocorreu com os idosos, o jovem Artur Cruz do Projeto “Nós do Povo” e outros moradores iniciaram uma campanha para arrecadar novos móveis, roupas, roupas de cama e alimentos para os idosos. Artur contou que na noite do temporal uma moradora procurou o grupo, através de outro integrante, Rodrigo Ávila, informou o que havia ocorrido e solicitou ajuda. Artur contou ainda que na mesma noite, solicitaram os órgãos responsáveis para que tomassem as medidas necessárias.

Artur contou que, na mesma noite, ao chegar ao local, ele e outros integrantes do projeto deparam com o pior cenário. “Água e lama para todos os lados. As camas, roupas e móveis estavam tudo mergulhados na água da chuva. Com a aquele cenário, começamos a limpeza e em seguida decidimos fazer uma campanha de arrecadação de roupas, móveis e tudo que é preciso em uma casa”, informou o jovem, ressaltando que os interessados em fazer qualquer tipo de doação podem entrar em contato com ele pelo número 999-911777 ou mandando mensagem pelo Whatsapp. “Muita gente às vezes quer ajudar, mas não tem como levar ao local. Por isso, meu telefone esta a disposição. Eu mesmo posso buscar a doação”, completou.

Segundo o jovem, nesse período os idosos estão sendo ajudados por vizinhos. Disse ainda que como o casal de idosos, outras pessoas são ajudadas pelo projeto “Nós do Povo”. “É uma iniciativa sem fins lucrativos que visa ajudar famílias em comunidades carentes. Entramos nessa campanha em prol dos idosos, pois é isto que nós do projeto fazemos. O projeto já existe há três anos. Ajudamos a quem precisa como esses dois idosos. Agradecemos a quem nos ajudar”, concluiu o jovem.

 

 

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !