Sindicato dos Rodoviários aguarda negociação da campanha salarial

0

VOLTA REDONDA

A direção do Sindicato dos Rodoviários do Município segue aguardando uma posição do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Sul Fluminense (Sindpass) para reabrir as negociações, visando o fechamento da Campanha Salarial 2019/2020. Recentemente, representantes da Federação dos Trabalhadores Rodoviários do Estado do Rio, estiveram no município para apoiar os Sindicatos de Angra dos Reis, Barra Mansa e Volta Redonda. Um ofício foi remetido ao Patronal pedindo a retomada das negociações.

O presidente do Sindpass, Paulo Afonso, procurado pelo A VOZ DA CIDADE, informou que recebeu o ofício e que respondeu no tempo determinado pela Federação. E garantiu ainda que reabrirá as negociações na tentativa de fechar a Campanha Salarial. O presidente do Sindicato de Volta Redonda, José Gama, o ‘Zequinha’, reclama que depois que a pauta de reivindicações da categoria foi entregue o Patronal não emitiu resposta. Ele lembrou que a categoria recusou em assembleia a alteração da data-base dos rodoviários de 1º de junho para dezembro.

ITENS DA PAUTA

Entre os itens principais que constam na pauta estão o reajuste salarial a partir de 1º de junho com 7 % já incluído o Índice Nacional de Preço ao Consumidor (INPC) do período e ganho real; além do pagamento da Participação nos Lucros e Resultados no valor de um salário mínimo (R$ 998). O descumprimento na data de pagamento gera multa de 20 % por parcela e mês de atraso.

Está também na pauta que as empresas paguem a todos os funcionários R$ 253,40 (reajuste de 10%) no Cartão Alimentação/Cesta Básica. Para as empresas que fornecem cesta básica, que as mesmas contenham produtos no mesmo valor acordado. Ambas as reivindicações com a participação financeira de R$ 10 pelo empregado. E que os associados do Sindicato laboral fiquem isentos da participação financeira, entre outros.

error: Conteúdo protegido !